Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Maduro encontra Dilma e diz que “cedo ou tarde Venezuela fará parte dos Brics”

    Na última reunião do grupo, no final de agosto, Arábia Saudita, Argentina, Egito, Emirados Árabes, Etiópia e Irã foram admitidos. A Venezuela ficou de fora

    Maduro se reúne com Dilma
    Maduro se reúne com Dilma Reprodução / Twitter

    Da CNN*

    O presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, usou suas redes sociais neste domingo (10) para registrar encontro com a presidente do Banco dos Brics, Dilma Rousseff.

    Na publicação, Maduro diz que “mais cedo ou mais tarde” a Venezuela fará parte dos Brics. “Poderemos contribuir com a experiência venezuelana e integrar-nos neste esforço que marca o destino da humanidade”, escreveu.

    No início de agosto, Maduro anunciou que a Venezuela enviou um pedido para ingressar no Brics — inicialmente composto por Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul.

    Na última reunião do grupo, no final de agosto, Arábia SauditaArgentinaEgitoEmirados ÁrabesEtiópia e Irã foram admitidos. A Venezuela ficou de fora.

    Maduro afirmou ainda na publicação que a Venezuela tem a ex-presidente do Brasil como “aliada” e disse ver com “grande admiração” o processo geopolítico de ganho de relevância por parte dos Brics.

    Publicado por Danilo Moliterno.