Cientista político: ‘Nenhuma matéria será aprovada apenas porque o governo quer’

Cientista político Murillo de Aragão reforçou à CNN que o Congresso Nacional tem papel central nas políticas públicas

Da CNN, em São Paulo

Ouvir notícia

Em entrevista à CNN, o cientista político Murillo de Aragão, afirmou que “nenhuma matéria relevante vai ser aprovada apenas porque o governo quer”. De acordo com o especialista, as ações dependem, principalmente, do Congresso Nacional.

“Quem manda hoje no formato final das políticas públicas no Brasil é o Congresso Nacional”, disse Aragão.

“Dependerá do entendimento entre Câmara dos Deputados e Senado para que ocorram avanços importantes ainda nesse semestre.”

Segundo o cientista político, o Congresso “tem demonstrado muita autonomia em relação a temas capitais da governabilidade”. Um dos últimos pontos centrais abordados na Câmara foi a PEC do voto impresso, uma das principais bandeiras do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), que foi rejeitada em plenário.

Cientista político Murilo de Aragão fala sobre o atual cenário político
O cientista político Murilo de Aragão conversou com a CNN sobre o atual cenário político do Brasil (06.mai.2021)
Foto: Reprodução / CNN

(Publicado por Nathallia Fonseca)

Mais Recentes da CNN