Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Nunes responde Lula e diz que não vai a eventos “relacionados a invasão”

    Prefeito se refere à assinatura neste sábado (16) do contrato de início das obras no terreno da ocupação Copa do Povo, em Itaquera

    Pedro Venceslauda CNN

    São Paulo

    O prefeito Ricardo Nunes (MDB) respondeu neste sábado (16) à fala do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) durante um evento do Minha Casa, Minha Vida na capital.

    Em um discurso ao lado do deputado Guilherme Boulos (Psol), Lula afirmou que convidou o prefeito e o governador para o evento, mas ambos declinaram.

    “Eu acho que eles foram convidados, não vieram, mas se viessem seriam tratados com o maior respeito, porque educação a gente aprende em casa”, disse Lula.

    “Estamos fazendo um grande programa habitacional, respeitando as leis, sem invasão. Respeitando a lista dos inscritos. Eventos relacionados a invasão, furar fila, desrespeitar leis não terá minha presença e apoio”, disse Nunes à CNN.

    O prefeito se refere à assinatura neste sábado do contrato de início das obras no terreno da ocupação Copa do Povo, em Itaquera, que será transformada em um empreendimento de 2,6 mil apartamentos, que recebeu R$ 573 milhões de investimento do governo federal.

    A ocupação foi feita durante a Copa do Mundo pelo Movimento dos Trabalhadores Sem-Teto (MTST), grupo que era liderado por Boulos.

    Já o governador Tarcísio de Freitas (Republicanos) não quis comentar, mas seus auxiliares lembraram que ele esteve com Lula em um evento do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) recentemente no qual o chefe do Executivo paulista foi até convidado a discursar, o que gerou desgaste com os aliados bolsonaristas.

    Tarcísio teve agendas em Osasco e Caieiras que já estavam marcadas antes do convite de Lula.