Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Oposição apresenta moções de repúdio contra declaração de Lula sobre Israel

    Presidente comparou a situação na Faixa de Gaza com o Holocausto e falou em genocídio

    Gustavo UribeIsabel Megada CNN

    Brasília

    Partidos da oposição articulam para aprovar moções de repúdio contra o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT).

    Pelo menos dois pedidos já foram elaborados. Um deles, pelo partido do ex-presidente Bolsonaro.

    O texto, protocolado pela deputada Júlia Zanatta (PL-SC), afirma que a declaração de Lula foi uma “bizarra” e prejudica “laços internacionais com países democráticos”.

    Neste domingo (18), Lula comparou a situação na Faixa de Gaza com o Holocausto e falou em genocídio.

    Um dia depois, o chanceler de Israel comunicou ao embaixador brasileiro que o presidente brasileiro passa a ser “persona non grata” no país até que se desculpe.

    A outra moção apresentada na Câmara é do deputado federal Kim Kataguiri (União Brasil-SP). O parlamentar afirma ser “crucial reconhecer a importância da precisão histórica e do respeito às sensibilidades envolvidas”.

    Para ter validade, moções de repúdio precisam de aprovação em plenário.