Para evitar boicote, Bolsonaro muda horário de reunião com chefes de poderes

Bolsonaro participa de cerimônia no Palácio do Planalto (11.fev.2020)
Bolsonaro participa de cerimônia no Palácio do Planalto (11.fev.2020) Foto: Adriano Machado/Reuters

Ouvir notícia

O Palácio do Planalto antecipou o horário da reunião que convocou com para receber os presidentes do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), e do Supremo Tribunal Federal, Dias Toffoli, para evitar que as autoridades não comparecessem.

O motivo é que no horário idealizado por Bolsonaro para o encontro, às 20 horas, está previsto um panelaço contra o Bolsonaro. As autoridades queriam evitar o constrangimento de estarem com Bolsonaro no momento em que ocorrerá a manifestação.

A antecipação surtiu o primeiro efeito. Dias Toffoli disse que irá ao palácio encontrar Bolsonaro. Alcolumbre e Maia, porém, ainda hesitam em comparecer.

Mais Recentes da CNN