Perdeu o título de eleitor? Saiba o que é preciso apresentar para votar

Documentos oficiais com foto, como RG, passaporte e carteira de habilitação, são aceitos; eleitor precisa estar com a situação eleitoral regularizada

Número de adolescentes com título de eleitor em fevereiro é o menor já registrado
Número de adolescentes com título de eleitor em fevereiro é o menor já registrado Foto: Divulgação / TSE

Da CNN

Ouvir notícia

Brasileiros que perderam o título de eleitor ou não se lembram onde guardaram o documento podem mesmo assim votar nas eleições de 2022. Para isso, basta apresentar qualquer identificação oficial com foto, desde que a situação eleitoral esteja regularizada.

De acordo com a Justiça Eleitoral, são aceitos:

  • RG (carteira de identidade);
  • Passaporte;
  • Carteira de categoria profissional reconhecida por lei;
  • Certificado de reservista;
  • Carteira de trabalho;
  • CNH (Carteira Nacional de Habilitação).

Certidões de nascimento ou de casamento não são opções para os eleitores.

É possível ainda votar usando o e-Título (título de eleitor digital disponível nas lojas Google Play e App Store) se a pessoa já fez o cadastramento biométrico, pois o procedimento disponibiliza a foto do eleitor no aplicativo, o que possibilita sua identificação ― quem ainda não tem o cadastro biométrico, pode usar o título de eleitor digital, mas deve apresentar também um documento com foto.

Para fazer o cadastro no e-Título, é preciso informar o número do título de eleitor ou do CPF, além de outros dados pessoais. O aplicativo permite consultar a situação eleitoral, ver qual é o local e a zona de votação e justificar ausências, entre outros serviços.

Como consultar a situação do título?

É possível consultar a situação diretamente no site do TSE (Tribunal Superior Eleitoral). Para saber o número do título, o cidadão deve fornecer nome ou CPF, data de nascimento e nome da mãe.

Para consultar a situação eleitoral, é necessário nome, CPF ou número do título. Também é possível verificar essa informação junto aos Tribunais Regionais Eleitorais de cada estado.

O prazo para regularizar o título de eleitor ou solicitar a primeira via do documento para as eleições de 2022 vai até 4 de maio. O procedimento é simples e pode ser feito pela internet, pelo sistema Título Net.

Esse também é o prazo para transferência de domicílio eleitoral e revisão de dados eleitorais (como a inclusão de nome social ou a mudança no local de votação dentro do município). Para eleitores brasileiros que moram no exterior, a data também encerra o prazo para alteração de dados, regularização e transferência do título.

Perdi meu título, e agora?

Se você sabe sua zona e local de votação, basta levar um documento oficial com foto. Se não sabe, é possível consultar essas informações no site do TRE do seu estado ou pelo aplicativo e-Título.

O prazo para emitir a segunda via do documento pode variar, a depender do local da solicitação. Ele é de:

  • Até 10 dias antes do primeiro turno das eleições (marcado para 2 de outubro de 2022) no Cartório Eleitoral onde foi feita a inscrição.
  • Até 60 dias antes do primeiro turno da eleição, em qualquer Cartório Eleitoral, se o eleitor estiver fora do seu domicílio.

Debate

CNN realizará o primeiro debate presidencial de 2022. O confronto entre os candidatos será transmitido ao vivo em 6 de agosto pela TV e por nossas plataformas digitais.

*Publicado por Marcelo Tuvuca. 

Fotos – Veja todos os presidentes da história do Brasil

Mais Recentes da CNN