Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Eleições 2022

    Presidenciáveis viajaram 170 mil km no 1º turno; São Paulo foi cidade mais visitada

    Candidatos a presidente priorizaram visitas aos maiores colégios eleitorais do país

    Presidenciáveis Lula (PT), Bolsonaro (PL), Ciro Gomes (PDT) e Simone Tebet (MDB)
    Presidenciáveis Lula (PT), Bolsonaro (PL), Ciro Gomes (PDT) e Simone Tebet (MDB) Divulgação

    Giovanna BronzeLeonardo RodriguesLuana Cataldida CNN

    em São Paulo

    Em 47 dias de campanha para as eleições do primeiro turno, Luiz Inácio Lula da Silva (PT), Jair Bolsonaro (PL), Ciro Gomes (PDT) e Simone Tebet (MDB), os quatro candidatos a presidente que pontuam no agregador de pesquisas CNN/Locomotiva, percorreram 170 mil quilômetros e passaram por 101 cidades em busca de votos.

    Neste sábado (1º), última data antes dos brasileiros irem às urnas, o petista esteve em São Paulo, enquanto o atual presidente passou pela capital paulista e por Joinville (SC); Ciro Gomes, por Fortaleza; e Tebet, por Campo Grande e São Paulo -– que, com esta passagem, chegou a 78 visitas de presidenciáveis.

    Para realizar o levantamento, a CNN levou em conta as cidades em que as agendas foram cumpridas. Além disso, o Distrito Federal não foi considerado nos compromissos oficiais de Bolsonaro, apenas em caso de atos de campanha.

    Veja a seguir quais foram os locais mais frequentados e as viagens realizadas pelos candidatos desde 16 de agosto, quando a campanha do primeiro turno começou.

    Luiz Inácio Lula da Silva (PT)

    • Quilômetros percorridos: 26.142,1
    • Cidades visitadas: 17
    • Estados visitados: 12
    • Cidade mais visitada: São Paulo

    O ex-presidente visitou 17 cidades diferentes em 12 estados. Líder nas pesquisas de intenções de voto, foi o postulante que percorreu a menor distância entre os quatro listados.

    A estratégia do petista teve Sudeste e Nordeste, as regiões que concentram maior número de eleitores, como foco. Lula ainda escolheu São Paulo, município que mais visitou na campanha – 24 vezes –, para encerrar a campanha.

    Na capital paulista, o candidato concentrou as aparições ao lado de Fernando Haddad, candidato de seu partido ao governo, e Geraldo Alckmin (PSB), seu candidato a vice, que governou São Paulo em quatro oportunidades.

    Jair Bolsonaro (PL)

    • Quilômetros percorridos: 45.679,2
    • Cidades visitadas: 31
    • Estados visitados: 12
    • Cidade mais visitada: São Paulo

    Em segundo lugar no agregador de pesquisas CNN/Locomotiva, Bolsonaro também deu preferência a São Paulo no empenho por votos. O Sudeste foi a região que concentrou mais compromissos de campanha do pretendente à reeleição.

    Candidato que visitou cidades de maneira repetida menos vezes, o presidente teve compromissos institucionais em Nova York (a Assembleia Geral das Nações Unidas, em que discursou) e Londres (o velório da Rainha Elizabeth).

    Ciro Gomes (PDT)

    • Quilômetros percorridos: 64.324,3
    • Cidades visitadas: 31
    • Estados visitados: 16
    • Cidade mais visitada: São Paulo

    Ciro Gomes foi quem visitou mais estados e percorreu maior distância em campanha. No esforço para diminuir sua desvantagem em relação aos líderes nas pesquisas, o pedetista realizou atos de campanha em São Paulo 27 vezes.

    Ao escolher Fortaleza para encerrar a campanha, o presidenciável escolheu um importante colégio eleitoral e seu reduto político: o Ceará foi o único estado em que Ciro liderou a disputa presidencial em 2018.

    Simone Tebet (MDB)

    • Quilômetros percorridos: 34.398,6
    • Cidades visitadas: 42
    • Estados visitados: 14
    • Cidade mais visitada: São Paulo

    A senadora lidera na quantidade de municípios visitados desde 16 de agosto. Quarta colocada nas pesquisas eleitorais, Tebet passou por 42 cidades.

    Ela lidera ainda nas visitas à capital paulista, com 26 compromissos. Outra a escolher a capital de seu estado (Campo Grande) para finalizar a campanha, a emedebista preferiu o Sudeste para seus atos, seguido por Centro-oeste e Nordeste, empatados.

    Fotos — Os candidatos a as candidatas a vice-presidente em 2022