Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Quaest: Haddad, Dino e Tebet são os ministros melhor avaliados por deputados

    Pesquisa ouviu 185 parlamentares com base em estratos de região e posicionamento ideológico dos partidos; margem de erro é de 4,8 pontos percentuais

    Ministros Fernando Haddad, da Fazenda, Simone Tebet, do Planejamento, e Flávio Dino, da Justiça
    Ministros Fernando Haddad, da Fazenda, Simone Tebet, do Planejamento, e Flávio Dino, da Justiça Arte/CNN

    Douglas Portoda CNN

    em São Paulo

    Os ministros da Fazenda, da Justiça e do Planejamento são os integrantes da Esplanada melhor avaliados pelos deputados federais.

    Fernando Haddad, Flávio Dino e Simone Tebet têm entre 48% e 52% de aprovação, segundo a pesquisa Genial/Quaest, divulgada nesta quinta-feira (10), que pediu a avaliação de seis nomes do grupo de ministros de Lula.

    O com pior resultado é Rui Costa, da Casa Civil, que tem 41% de avaliação negativa.

    Foram ouvidos 185 congressistas, que representam 36% dos 513 parlamentares. Eles representam estratos de região e posicionamento ideológico dos partidos, usando como referência o projeto Brazilian Legislative Surveys.

    A margem de erro da pesquisa é estimada em 4,8 pontos percentuais.

    VÍDEO – Em conversas com Lula, Republicanos troca membros da CPI do MST

     

    Veja a avaliação dos ministros:

    • Fernando Haddad (Fazenda) Positivo: 52%; Regular: 24%; Negativo: 20%; Não sabe ou não respondeu: 4%
    • Flávio Dino (Justiça)Positivo: 48%; Regular: 15%; Negativo: 34%; Não sabe ou não respondeu: 4%
    • Simone Tebet (Planejamento)Positivo: 47%; Regular: 30%; Negativo: 20%; Não sabe ou não respondeu: 3%
    • Alexandre Padilha (Relações Institucionais)Positivo: 41%; Regular: 28%; Negativo: 27%; Não sabe ou não respondeu: 4%
    • Alexandre Silveira (Minas e Energia)Positivo: 28%; Regular: 36%; Negativo: 20%; Não sabe ou não respondeu: 17%
    • Rui Costa (Casa Civil)Positivo: 25%; Regular: 28%; Negativo: 41%; Não sabe ou não respondeu: 7%

    Confira a divisão por ideologia:

    Deputados de esquerda

    • Fernando Haddad (Fazenda)Positivo: 83%; Regular: 13%; Negativo: 4%; Não sabe ou não respondeu: 0%
    • Flávio Dino (Justiça)Positivo: 96%; Regular: 4%; Negativo: 0%; Não sabe ou não respondeu: 0%
    • Simone Tebet (Planejamento)Positivo: 75%; Regular: 23%; Negativo: 2%; Não sabe ou não respondeu: 0%
    • Alexandre Padilha (Relações Institucionais)Positivo: 68%; Regular: 30%; Negativo: 2%; Não sabe ou não respondeu: 0%
    • Alexandre Silveira (Minas e Energia)Positivo: 43%; Regular: 38%; Negativo: 6%; Não sabe ou não respondeu: 13%
    • Rui Costa (Casa Civil)Positivo: 51%; Regular: 38%; Negativo: 11%; Não sabe ou não respondeu: 0%

    Deputados de centro

    • Fernando Haddad (Fazenda)Positivo: 64%; Regular: 32%; Negativo: 2%; Não sabe ou não respondeu: 2%
    • Flávio Dino (Justiça)Positivo: 55%; Regular: 26%; Negativo: 15%; Não sabe ou não respondeu: 4%
    • Simone Tebet (Planejamento)Positivo: 57%; Regular: 30%; Negativo: 11%; Não sabe ou não respondeu: 2%
    • Alexandre Padilha (Relações Institucionais)Positivo: 38%; Regular: 38%; Negativo: 21%; Não sabe ou não respondeu: 2%
    • Alexandre Silveira (Minas e Energia)Positivo: 38%; Regular: 36%; Negativo: 11%; Não sabe ou não respondeu: 15%
    • Rui Costa (Casa Civil)Positivo: 26%; Regular: 36%; Negativo: 28%; Não sabe ou não respondeu: 11%

    Deputados de direita

    • Fernando Haddad (Fazenda)Positivo: 20%; Regular: 29%; Negativo: 46%; Não sabe ou não respondeu: 5%
    • Flávio Dino (Justiça)Positivo: 8%; Regular: 16%; Negativo: 74%; Não sabe ou não respondeu: 3%
    • Simone Tebet (Planejamento)Positivo: 14%; Regular: 38%; Negativo: 42%; Não sabe ou não respondeu: 5%
    • Alexandre Padilha (Relações Institucionais)Positivo: 21%; Regular: 24%; Negativo: 51%; Não sabe ou não respondeu: 4%
    • Alexandre Silveira (Minas e Energia)Positivo: 13%; Regular: 34%; Negativo: 39%; Não sabe ou não respondeu: 13%
    • Rui Costa (Casa Civil)Positivo: 3%; Regular: 16%; Negativo: 75%; Não sabe ou não respondeu: 7%

    Metodologia

    Foram ouvidos 185 deputados pessoalmente e de forma on-line por meio de questionário estruturados entre os dias 13 de junho e 6 de agosto.

    A margem de erro é de 4,8 pontos percentuais, sendo estimada usando técnica de sorteio de sub-amostras com repetição levando em conta os estratos do desenho amostral. A estimativa final foi feita a partir de 10 mil sorteios.

    Veja também: A pedido do PT, Lira cancela depoimento de Rui Costa na CPI do MST