RealTime Big Data para governo da BA: ACM Neto tem 56%; Jerônimo, 18%; Roma, 10%

Pesquisa feita por telefone com 1.500 entrevistados entre os dias 7 e 8 de junho; margem de erro é de três pontos percentuais

ACM Neto (União Brasil), Jerônimo Rodrigues (PT) e João Roma (PL)
ACM Neto (União Brasil), Jerônimo Rodrigues (PT) e João Roma (PL) Arte CNN

Da CNN

Ouvir notícia

Pesquisa TV Record/RealTime Big Data sobre a eleição para o governo da Bahia, divulgada nesta quinta-feira (9), mostra o ex-prefeito de Salvador ACM Neto (União Brasil) com 56% das intenções de voto, resultado que lhe daria vitória no primeiro turno. As eleições estão marcadas para outubro.

Na sequência, estão o ex-secretário estadual de Educação Jerônimo Rodrigues (PT), com 18%; o deputado federal e ex-ministro da Cidadania João Roma (PL), com 10%; e Kleber Rosa (PSOL), citado por 1% dos entrevistados. A margem de erro é de três pontos percentuais para mais ou para menos.

Brancos e nulos são 8%; 7% dizem não saber ou não responderam à pesquisa. A RealTime não simulou cenários de segundo turno.

Foram ouvidos 1.500 eleitores, por telefone, entre os dias 7 e 8 de junho. A pesquisa foi registrada na Justiça Eleitoral sob o código BA-01168/2022. Segundo o instituto, o nível de confiança da pesquisa é de 95%.

Governador

Intenção de voto estimulada para governador da Bahia

Primeiro turno

  • ACM Neto (União Brasil) – 56%
  • Jerônimo Rodrigues (PT) – 18%
  • João Roma (PL) – 10%
  • Kleber Rosa (PSOL) – 1%
  • Branco/Nulo – 8%
  • Não sabe/não respondeu – 7%

Senado

A RealTime Big Data também fez simulações para a disputa do Senado, que mostram Otto Alencar (PSD), candidato à reeleição, com 29% dos votos, seguido por Raíssa Soares (PL), com 11%, Cacá Leão (PP), 6%, e Tâmara Azevedo (PSOL), 5%.

  • Otto Alencar (PSD) – 29%
  • Dra. Raíssa Soares – 11%
  • Cacá Leão – 6%
  • Tâmara Azevedo (PSOL) – 5%
  • Branco/nulo – 22%
  • Não sabe/não respondeu – 27%

Debate

A CNN realizará o primeiro debate presidencial de 2022. O confronto entre os candidatos será transmitido ao vivo em 6 de agosto, pela TV e por nossas plataformas digitais.

*Publicado por Marcelo Tuvuca

 

Mais Recentes da CNN