Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Saiba como serão os shows da posse de Lula

    Evento, chamado "Festival do Futuro", terá a participação de mais de 60 artistas

    Marcelo Camargo/Agência Brasil

    Giovanna Inoueda CNN

    em Brasília

    A posse de Luiz Inácio Lula da Silva (PT) na Presidência será neste domingo, 1º de janeiro de 2023, em Brasília.

    Além do tradicional passeio a carro aberto e entrega da faixa presidencial, este ano a ocasião também contará com o Festival do Futuro, organizado pela futura primeira-dama, Rosângela da Silva, a Janja.

    A festa contará com dois palcos de apresentações, batizados de Gal Costa e Elza Soares, e a programação conta com 18 horas de festividades a partir de 10h.

    Mais de 60 artistas nacionais participarão das apresentações e a expectativa de público é de até 300 mil pessoas.

    Para abrir o show, às 10h começam apresentações de manifestações populares em trios elétricos, que percorrerão as ruas da Esplanada dos Ministérios.

    O primeiro show será o “Brasília de Todos os Ritmos” no palco Elza Soares, às 11h, seguido por uma apresentação do pastor Kleber Lucas junto com Clóvis Pinho, Leonardo Gonçalves, MN MC e Sarah Renata às 12h30, no palco Gal Costa.

    As apresentações musicais farão uma pausa para o desfile de Lula em carro aberto pela Esplanada, a partir de 14h20, seguida pela cerimônia de posse no Congresso Nacional.

    Às 15h50, a festa volta com o show do cantor Juliano Maderada, autor da música “Tá Na Hora do Jair Já Ir Embora”, no palco Gal Costa.

    Por volta de 16h30, Lula, Janja, o vice-presidente eleito Geraldo Alckmin e sua esposa, Lu Alckmin, sobem a rampa do Palácio do Planalto e seguem para o discurso oficial, em frente ao público presente na Praça dos Três Poderes.

    O show retorna às 18h30, no palco Elza, com a apresentação “Futuro Ancestral”.

    Participam Drik Barbosa, Marissol Mwaba, Ellen Oléria, Fioti, Gog, Rael, Rappin Hood, Salgadinho e Ingrid Silva.

    Às 19h40 começa o show “Outra Vez Cantar”, com participação de Alessandra Leão, Chico César e Geraldo Azevedo, Fernanda Takai, Francisco el Hombre e Lue, Flor Gil, Johnny Hooker, Lirinha, Marcelo Jeneci, Odair José, Otto, Paulo Miklos, Tulipa Ruiz e Thalma de Freitas, dessa vez no palco Gal Costa.

    Em seguida, às 20h55, no palco Elza Soares, acontece a apresentação “Amanhã vai ser outro dia”, com Aline Calixto, Fernanda Abreu, Jards Macalé, Maria Rita, Martinho da Vila, Paula Lima, Leoni, Renegado, Rogéria Holtz, Teresa Cristina, Romero Ferro, Zélia Duncan e Delacruz.

    Às 22h50, começa, no palco Gal Costa, o show da banda BaianaSystem com participação especial da futura ministra da Cultura, Margareth Menezes.

    As apresentações continuam madrugada adentro, a partir de 00h10, com show de Gaby Amarantos e participação de Aíla, Kâe Guajajara e Jaloo, no palco Elza Soares.

    À 1h10, começa no palco Gal Costa, o show de Duda Beat, com participação de Almerio, Doralyce, Luedji Luna e Zé Ibarra.

    O penúltimo show do dia começa às 2h10 da madrugada, no palco Elza Soares, com Pabllo Vittar, com os convidados Lukinhas e Urias.

    Finalmente, às 3h10, começa o show de Valesca Popozuda no palco Gal Costa, com participação de MC Marks e Mc Rahell.

    Ao longo de todo o Festival, uma feira gastronômica será montada no gramado central da Esplanada e terá como estrutura uma tenda de 8 mil m² ao centro, com mesas e cadeiras para 6 mil pessoas.

    Ao redor dela, 40 stands de alimentação e 15 de bebidas e drinks, além de 10 Food Trucks oferecendo culinárias brasileiras.

    A Esplanada dos Ministérios estará aberta ao público a partir das 8h e permanecerá aberta durante todo o evento.

    Acesso

    A Esplanada dos Ministérios está fechada desde sexta-feira (30) e, na madrugada de sábado (31), as vias N2 e S2 também serão fechadas

    O bloqueio da S1 será a partir da alça leste da Rodoviária do Plano Piloto.

    Os motoristas que estiverem na L2 Norte não poderão acessar a Esplanada.

    A liberação das vias para o trânsito de veículos somente ocorrerá após avaliação técnica, após a finalização do festival e dispersão do público. Apenas veículos credenciados poderão circular na Esplanada.

    Quem for de carro ao Festival pode estacionar no Setor Bancário Norte, Setor de Autarquias e Setor de Diversões. O uso de transporte coletivo é recomendado.

    Os ônibus funcionarão até 4h do dia 2 de janeiro e o metrô terá horário estendido neste fim de semana. No sábado, de 5h30 até 2h da manhã e no domingo, de 9h às 2h, sendo que a partir de 22h de domingo, somente a Estação Central estará aberta para embarque.

    O acesso de pedestres, no dia 1º, será somente pela N1. Não será autorizado o acesso pela S1 ou pelas escadarias dos ministérios.

    Segundo os protocolos de segurança, caso haja movimentos antagônicos ao governo eleito durante o período que compreende o planejamento de segurança, esse público será direcionado para o Eixo Monumental, na altura da Catedral Rainha da Paz.

    Não será autorizado carro de som ou trio elétrico na região da Esplanada.