Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Saiba quem é Nísia Trindade, futura ministra da Saúde no governo Lula

    Trindade será a primeira mulher a assumir a pasta; atualmente, ela é presidente da Fiocruz

    A presidente da Fiocruz, Nisia Trindade durante cerimônia de divulgação do edital de licitação do Complexo Industrial de Biotecnologia em Saúde-CIBS, na Fiocruz
    A presidente da Fiocruz, Nisia Trindade durante cerimônia de divulgação do edital de licitação do Complexo Industrial de Biotecnologia em Saúde-CIBS, na Fiocruz Tomaz Silva/Agência Brasil

    Fernanda Pinottida CNN em São Paulo

    O presidente eleito, Luiz Inácio Lula da Silva (PT), anunciou nesta quinta-feira (22) Nísia Trindade Lima para comandar o Ministério da Saúde.

    Nísia Trindade é presidente da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) desde 2017 e faz parte do grupo técnico de Saúde na equipe de transição de governo.

    Ela será a primeira mulher a ocupar o cargo de ministra da Saúde.

    Trindade coordenou as ações da Fiocruz durante o enfrentamento da pandemia de Covid-19 no Brasil e criou o “Observatório Covid-19”, uma iniciativa com a intenção de monitorar e divulgar informações e notícias sobre a pandemia e seus impactos no país.

    Ela também esteve à frente das negociações com o Ministério da Saúde, a universidade de Oxford e a farmacêutica AstraZeneca para permitir que a Fiocruz fabricasse as vacinas contra a Covid-19 no Brasil.

    Trindade foi a primeira mulher a ocupar a presidência da Fiocruz. Ela é membro da Zika Alliance Network, um consórcio de pesquisa multinacional para pesquisa e combate do Zika vírus, e participou do Plano de Ação Global da Organização Mundial da Saúde (OMS) com o objetivo de otimizar a pesquisa global para os sistemas de saúde dos países.

    Ela também fez parte do grupo consultivo da OMS para implementação da Agenda 2030, que preza pelos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável estabelecidos pela Organização das Nações Unidas (ONU), e assumiu a copresidência da Rede de Saúde para Todos da UNSDSN em 2019.

    A futura ministra é doutora em sociologia e mestre em ciência política pelo Instituto Universitário de Pesquisas do Rio de Janeiro (Iesp), e graduada em ciências sociais pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj). Sua pesquisa e obras buscam aproximar a ciência da sociedade a reflexão sobre as disparidades entre o Brasil urbano e rural.

    Confira outros nomes já confirmados para assumir ministérios no governo de Lula.