Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Universo Karnal mostra a organização política além da polarização; veja íntegra

    Escritor Leandro Karnal entrevista especialistas em ciência política e antropologia social para entender o papel do Estado, os deveres da população e o distanciamento dos políticos do cotidiano

    Douglas Portoda CNN

    em São Paulo

    Ouvir notícia

    Se engana quem pensa que a política é algo limitado aos políticos profissionais e distante do nosso cotidiano. A política está presente em qualquer lugar onde haja duas ou mais pessoas convivendo.

    É neste universo que Leandro Karnal mergulha no episódio deste sábado (23), de Universo Karnal, para entender as diversas formas de organização do poder para além da polarização que toma conta do país.

    A palavra política deriva do termo grego politikós, significando quem vive na polis, em sociedade. Portanto, se engana quem pensa que a política é algo limitado aos políticos profissionais.

    O professor participa como conselheiro de uma reunião de condomínio, junto de uma síndica profissional e moradores, para entender as questões que envolvem a vida de pessoas em um mesmo espaço.

    Para Bruno Garschagen, mestre em ciência política pelo Instituto de Estudos Políticos da Universidade Católica Portuguesa, nós temos nesses espaços “microcosmos dessa dimensão maior que está na política formal e tudo aquilo depois que vai transbordar na vida em sociedade.”

    Já Andreza Aruska de Souza Santos, doutora em Antropologia Social pela University of St. Andrews, no Reino Unido, por sua vez, diz que “que todos nós fazemos política no cotidiano”.

    “Se a gente entender a política como uma arte de resolver conflitos, como uma arte do diálogo, construção de caminhos alternativos, então podemos entender que todos nós fazemos política no dia a dia”, define.

    Andreza justifica que existem políticos profissionais que se afastam dos problemas cotidianos, e os líderes comunitários, que não estão representados nos Poderes da República.

    Garschagen expõe que o interesse político no Brasil é muito recente, o que é positivo. Mas, que devemos ter cuidado para não nos perdemos nesse momento histórico de interesse que pode impactar o futuro. Assim, os conceitos devem ser explicados, como o conservadorismo e o pensamento reacionário, para não existirem equívocos.

    Karnal mostra que a polarização é uma divisão de uma sociedade em dois extremos a respeito de um determinado tema. Em uma sociedade totalmente polarizada, o diálogo deixa de ser realizado e os adversários se tornam inimigos, e transgredir regras parece ser justificado.

    Mais Recentes da CNN