Sergipe: veja quem são os pré-candidatos ao governo do estado e ao Senado

Governador Belivaldo Chagas (PSD) deixa o cargo após dois mandatos consecutivos

Palácio Governador Augusto Franco, sede do governo de Sergipe
Palácio Governador Augusto Franco, sede do governo de Sergipe Governo de Sergipe/Mario Souza

Pedro Zanattada CNN*

Em São Paulo

Ouvir notícia

Com a aproximação das eleições de 2022, alguns nomes já estão confirmados como pré-candidatos ao governo de Sergipe, segundo um levantamento da CNN com os partidos. Atualmente, o cargo é ocupado por Belivaldo Chagas (PSD), que foi reeleito em 2018.

Os nomes dos concorrentes ainda podem mudar porque os partidos têm até 5 de agosto para escolher os candidatos e candidatas nas convenções. A seguir, a CNN traz a relação de possíveis postulantes ao governo da Paraíba e ao Senado.

Os pré-candidatos ao governo estadual

Para suceder Belivaldo Chagas, o PSD escolheu como candidato o deputado federal Fábio Mitidieri. Ele foi vereador de Aracaju e assumiu o cargo na Câmara Federal em 2015.

Atual sigla do presidente da República, Jair Bolsonaro, o PL terá como pré-candidato o ex-prefeito de Itabaiana (SE) Valmir de Francisquinho. Ele é formado em direito e atua como empresário. Também foi vereador por cinco mandatos na cidade que comandou.

Já o PT deve apostar no nome do senador Rogério Carvalho. Formado em medicina, ele começou a vida política no movimento estudantil, na Universidade Federal de Sergipe.

Entre 2001 e 2006, ocupou o cargo de secretário de Saúde de Aracaju e foi eleito deputado estadual em 2006. Em seguida, assumiu a Secretaria de Saúde de Sergipe, ocupando o cargo até se eleger deputado federal em 2010. Em 2021, ganhou destaque nacional por suas intervenções durante a CPI da Covid, no Senado.

O PSDB definiu como pré-candidato o senador Alessandro Vieira, recém-filiado ao partido. Ele deixou o Cidadania, legenda na qual ele chegou a anunciar sua pré-candidatura a presidente. Gaúcho, o parlamentar mudou-se com a família para Aracaju ainda criança. Formado em direito, tornou-se delegado e chefe da Polícia Civil no estado.

O Democracia Cristã confirmou a pré-candidatura de Antônio Cláudio Neves, especialista em geriatria, gerontologia e filiado ao partido desde 2021. Ele deve disputar pela primeira vez a eleição para o governo do estado. Neves atuou como secretário municipal de Saúde de Itabaiana. Ele é também presidente da Associação dos Amigos dos Idosos do Brasil e diretor do Instituto de Atenção à Longevidade.

Os pré-candidatos ao Senado

A senadora que encerra o mandato em 2023 é Maria do Carmo Alves, do União Brasil, que ocupa o cargo desde 1999. Ela informou que não concorrerá a um quarto mandato e que o candidato do partido será André Moura, ex-deputado estadual e federal pelo PSC e que se mudou para o União Brasil..

Líder do governo Michel Temer na Câmara dos Deputados, Moura foi condenado pelo Supremo Tribunal Federal, em outubro de 2021, a 8 anos e 3 meses de prisão em regime fechado e 5 anos de proibição para exercício de cargo público – as acusações são peculato, formação de quadrilha e desvio e apropriação de recursos públicos. Mesmo com a decisão, o ex-deputado afirmou que manteria sua pré-candidatura.

Formado em administração de empresas, Laércio Oliveira (PP) está em seu terceiro mandato como deputado federal. Foi relator de duas leis: o Marco do Gás e a Regulamentação da Terceirização e é autor do projeto que visa estimular a produção doméstica de fertilizantes. Atualmente, é membro das comissões de Minas e Energia e Desenvolvimento Econômico. É também presidente da Federação do Comércio de Sergipe.

O DC (Democracia Cristã) também terá um pré-candidato para o Senado no estado: Airton Costa Santos. Ele é graduado em ciências biológicas, foi ex-candidato a diretor nordeste da UNE (União Nacional dos Estudantes), ex-presidente da JPMDB, ex-tesoureiro do Sepuma – Sindicato dos Servidores Municipais de Aracaju, ex-candidato a governador em 2014.

Atualmente é representante comercial e presidente do Democracia Cristã em Sergipe. Ele agora tenta pela primeira vez uma vaga no Senado como representante do estado. Santos apoia o atual presidente do DC e pré-candidato à Presidência pelo partido, José Maria Eymael.

No campo da esquerda, Henri Clay (PSOL) se colocou como pré-candidato ao Senado. Ele é advogado e foi presidente da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) em Sergipe. Concorreu ao Senado em 2018, pelo PPL, mas ficou em sétimo lugar.

O primeiro turno das Eleições de 2022 está marcado para o dia 2 de outubro, primeiro domingo do mês. Se necessário, o segundo turno será realizado no dia 30 do mesmo mês.

Confira abaixo os senadores cujos mandatos terminam em 2023. As vagas deles no Senado estarão em jogo nas eleições deste ano

CNN realizará o primeiro debate presidencial de 2022. O confronto entre os candidatos será transmitido ao vivo em 6 de agosto pela TV e por nossas plataformas digitais.

*Com informações de Gabriela Ghiraldelli, Salma Freua Leonardo Rodrigues, da CNN

Mais Recentes da CNN