Campanha de vacinação contra gripe alcança apenas 40% da meta na primeira semana


Da CNN em São Paulo
31 de março de 2020 às 08:20

A Campanha Nacional de Vacinação contra a gripe do tipo influenza completou uma semana nesta terça-feira (31) e apenas 40% do público alvo foi imunizado. A vacina tem como foco a prevenção contra a gripe e não tem efeito contra o coronavírus.

Na primeira etapa foram vacinadas mais de 8,7 milhões de idosos. A etapa seguinte da campanha terá início no dia 16 de abril, com o objetivo de vacinar doentes crônicos, professores (rede pública e privada) e profissionais das forças de segurança.

A última fase, que começa no dia 9 de maio, dará prioridade a crianças de 6 meses a menores de 6 anos, pessoas com 55 a 59 anos, gestantes, puérperas (até 45 dias após o parto), pessoas com deficiência, povos indígenas, funcionários do sistema prisional, adolescentes e jovens de 12 a 21 anos submetidos a medidas socioeducativas e população privada de liberdade.

Composta de uma versão atenuada dos vírus, a vacina provoca uma resposta imunológica que ensina as celulas a atacarem da maneira correta o agente infeccioso. O composto protege contra as três variações de gripe mais comuns no hemisfério sul: a H1N1, a H3N2 - ambas da família Influenza A -, e a Influenza B.