Saúde confirma 1.079 mortes e 50 mil novos casos de Covid-19 em 24 horas


Guilherme Venaglia, da CNN, em São Paulo
07 de agosto de 2020 às 19:22 | Atualizado 07 de agosto de 2020 às 20:07
Teste rápido para detectar a Covid-19

Teste rápido para detectar a Covid-19

Foto: Leopoldo Silva/Agência Senado

O Ministério da Saúde confirmou nesta sexta-feira (7) um total de 1.079 mortes e 50.230 casos confirmados do novo coronavírus. Com o acréscimo das informações contidas no boletim diário, o país acumula 99.752 mortes e 2.962.442 diagnósticos positivos.

Pelo ritmo do avanço da doença no país, há expectativa de duas marcas expressivas – 100 mil mortes e 3 milhões de casos – sejam registradas durante as atualizações deste final de semana.

Os números dizem respeito aos casos registrados junto ao governo federal pelas secretarias estaduais de saúde ao longo de um prazo de 24 horas, contadas a partir das 16h do dia anterior, independentemente da data das ocorrências.

Os casos recuperados são 2.068.394, segundo a estimativa do Ministério da Saúde. Outros 794.476 estão em acompanhamento.

Nesta sexta, o estado de São Paulo atingiu a marca de 600 mil casos confirmados -- ao todo, 608.379 confirmações -- e Santa Catarina se tornou o 11º estado brasileiro a ultrapassar os 100 mil diagnósticos, com 101.582 casos confirmados.

Assista e leia também:

Entenda como pessoas que não tiveram Covid-19 podem ter imunidade ao vírus

Será que certos tipos sanguíneos nos tornam mais vulneráveis à Covid-19?

Segundo o Conselho Nacional dos Secretários Estaduais de Saúde (Conass), a maior incidência média e a maior mortalidade média (casos em proporção ao número de habitantes) são registradas no estado de Roraima. São 5.867 casos e 90 mortes a cada 100 mil habitantes.

O Conass também calcula a taxa de letalidade, percentual que morrem após o diagnóstico positivo para a Covid-19, dos 26 estados e do Distrito Federal. O maior percentual é registrado no Rio de Janeiro, onde a taxa de letalidade está em 8,0%.

Boletim Coronavírus - 0708

Boletim Coronavírus - 0708

Foto: Ministério da Saúde