Fiocruz aponta queda em média de casos de Covid-19, mas patamar ainda segue alto

Boletim registrou redução de 14% nos novos casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave na primeira semana de agosto na comparação com pico registrado em julho

Julyanne Jucá e Henrique Andrade*, da CNN, em São Paulo
13 de agosto de 2020 às 10:51
Teste de detecção da Covid-19 em drive-thru em São Paulo
Teste de detecção da Covid-19 em drive-thru em São Paulo
Foto: Rovena Rosa/Agência Brasil (4.ago.2020)

A Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) divulgou novo boletim Infogripe em que mostra uma redução de 14% nos nos novos casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) na 32ª semana epidemiológica (2 à 8 de agosto), na comparação com o pico registrado na 28ª semana. Apesar da tendência de queda, o patamar de casos ainda é considerado alto. 

Segundo Marcelo Gomes, coordenador do portal Infogripe da Fiocruz, "embora seja um resultado positivo, os valores ainda estão acima do valor considerado muito alto com base no padrão histórico do país".Dos casos de SRAG, 99,1% dos óbitos e 96,7% dos casos decorrem da Covid-19, segundo a Fiocruz.

Leia mais:
Sinovac: conheça detalhes da vacina chinesa em parceria com Instituto Butantan
Quando teremos uma vacina eficaz contra a Covid-19?

É possível observar nos mapas de alerta das atividades semanais que todas as regiões do país encontram-se na zona de risco, com alta incidência de casos e óbitos de SRAG por Covid-19. 

Em relação ao último boletim Infogripe divulgado (31ª SE), o estado de Rondônia demonstrou estabilização de casos SRAG por Covid-19, após um período de crescimento agudo. O Rio de Janeiro também apresentava leve aumento, porém atingiu a estabilização.

No sentido oposto, outros estados que estavam em queda demonstraram uma estabilização, que é o caso do Tocantins e de Pernambuco. 

Os três estados do sul do país (Paraná, Rio Grande do Sul e Santa Catarina), que nos últimos boletins tinham crescimento acelerado de casos, passaram a tender para queda. Minas Gerais e São Paulo, por sua vez, também se encontram em início de queda.

(* Sob supervisão de Julyanne Jucá)