Brasil tem mais de 7 mil casos de sarampo; organização alerta para novo surto


Da CNN
26 de agosto de 2020 às 10:27

A Organização Pan-Americana de Saúde alertou para um novo surto de sarampo no Brasil. O país contabiliza mais de 7 mil casos confirmados da doença neste ano. Cinco pessoas morreram.

Os estados que registraram mais casos confirmados são Pará, Rio de Janeiro e São Paulo. A região Nordeste, no entanto, é a que concentra o maior número de estados com surto da doença.

Leia também:
Chikungunya pode afetar sistema nervoso central, diz estudo
Brasil completa seis meses da confirmação do 1º caso do novo coronavírus

Campanha de vacinação contra sarampo no Rio de Janeiro
Rio de Janeiro intensifica campanha de vacinação contra sarampo
Foto: Tânia Rêgo - 1.fev.2020/ Agência Brasil

Belém, a capital do Pará, tem o maior número de vítimas fatais pelo sarampo. Do total de mortes no Brasil neste ano, 60% foram registradas na capital paraense.

Entre dezembro de 2019 e julho deste ano, mais de 14 mil casos de suspeita de sarampo foram notificados no Brasil. Além dos mais de 7 mil confirmados, ainda existem mil casos em investigação.

O Ministério da Saúde ampliou a vacinação contra o sarampo, da população de 20 a 49 anos, para até 31 de agosto, em todo o país

A vacina é do tipo tríplice viral e também imuniza contra a rubéola e a caxumba. A vacinação contra o sarampo segue o calendário normal para as outras faixas etárias.

Para pessoas com até 29 anos, a orientação é que se tenha tomado duas doses comprovadas. Já quem tem entre 30 e 59 anos precisa ter pelo menos uma dose do tríplice viral.

(Edição: André Rigue)