Brasil registra mais 33 mil casos e 836 mortes por Covid-19 em 24 horas

Ao todo, país soma 4.591.604 casos e 138.108 mortes pela doença causada pelo novo coronavírus

Anna Satie, da CNN, em São Paulo
22 de setembro de 2020 às 19:24
Pessoas com máscaras faciais caminham em rua de comércio popular em São Paulo durante pandemia de Covid-19
Foto: Amanda Perobelli/Reuters (15.jul.2020)

O Ministério da Saúde registrou nesta terça-feira (22) mais 33.536 casos e 836 mortes por Covid-19. Ao todo, o país soma 4.591.604 diagnósticos e 138.108 vítimas fatais da doença causada pelo novo coronavírus. 

O boletim da pasta inclui as confirmações desde a tarde do dia anterior, independentemente de quando os exames tenham sido feitos. Há análises que demoram dias para serem concluídas.

São Paulo segue como o estado com a maior incidência do vírus, com 945.422 casos e 34.266 mortes. Em seguida, aparecem Bahia (297.805 casos e 6.359 mortes), Minas Gerais (273.233 casos e 6.764 mortes) e Rio de Janeiro (253.756 casos e 17.798 mortes). 

Leia também:

Estados Unidos atingem 200 mil mortos pela Covid-19

Covid-19 pode causar danos cerebrais, indica estudo da Fiocruz

Uma pesquisa brasileira, ainda a ser publicada em periódicos científicos, sugere que há relação entre dengue e possível imunidade à Covid-19.

A conexão entre as duas doenças foi indicada por um estudo brasileiro, que mostrou que lugares em que grande parte da população contraiu dengue, no ano passado e no começo deste ano, demoraram mais tempo para ter transmissão comunitária da Covid-19.