Governo de SP fechará hospital de campanha do Ibirapuera em 30 de setembro

Governador João Doria diz que equipamentos usados na estrutura, que atendeu 3,2 mil pessoas, serão doados para entidades assistenciais e unidades de saúde

Murillo Ferrari, da CNN, em São Paulo
25 de setembro de 2020 às 13:31 | Atualizado 25 de setembro de 2020 às 16:07

O governo de São Paulo anunciou nesta sexta-feira (25) que as atividades no hospital de campanha do Ibirapuera, o último em operação no estado, serão encerradas na próxima quarta-feira (30).

Em entrevista no Palácio dos Bandeirantes, o governador João Doria (PSDB) afirmou que o declínio da pandemia no estado, mais acentuadamente na capital, permite o fechamento da estrutura após cinco meses de atividades.

“Ao longo deste período, o hospital atendeu 3.200 pacientes e foi fundamental no enfrentamento da Covid-19”, disse Doria. “O hospital de campanha do Ibirapuera foi importante não só para pacientes da capital, mas para pessoas de 106 municípios do estado que ali foram acolhidos, tratados e salvos.”

Assista e leia também:

Alesp aprova quebra de sigilo bancário do Iabas, gestor do hospital do Anhembi

Técnica de enfermagem é agredida em hospital após demora em resultado de exame

Médicos fazem treinamento no hospital de campanha para tratamento de Covid-19 do Complexo Esportivo do Ibirapuera, em São Paulo (29.abr.2020)
Foto: Rovena Rosa/Agência Brasil

O governador disse ainda que pesquisa realizada pela secretaria da Saúde do estado indica que 99% dos pacientes tratados no hospital de campanha do Ibirapuera “aprovaram integralmente o atendimento recebido”.

“Todos os equipamentos serão doados para entidades assistenciais e unidades de saúde pública do estado”, completou Doria.

Testes da Coronavac

O governador anunciou também que o Instituto Butantan ampliará a testagem da Coronavac, vacina contra Covid-19 da chinesa Sinovac Biotech, para mais quatros centros de pesquisa.

As unidades ficam nas cidades de Barretos, no interior de São Paulo, Campo Grande, Cuiabá e Pelotas (RS).