Mundo supera 1,5 milhão de mortos pela Covid-19, segundo a Johns Hopkins

Até o momento, a universidade contabiliza 64.918.435 pessoas que foram infectadas pelo novo coronavírus desde o início da pandemia

Julyanne Jucá, da CNN, em São Paulo
03 de dezembro de 2020 às 17:53 | Atualizado 03 de dezembro de 2020 às 17:57
Indianos enterram vítimas da Covid-19
Indianos enterram vítimas da Covid-19
Foto: Reprodução - 01.out.2020 / Reuters

O mundo superou a marca dos 1,5 milhão de mortos pela Covid-19 nesta quinta-feira (3), de acordo com o monitoramento da universidade Johns Hopkins. A plataforma aponta, até o final da tarde de hoje, que 1.501.758 morreram em decorrência da doença.

Até o momento, a universidade contabiliza 64.918.435 pessoas que foram infectadas pelo novo coronavírus desde o início da pandemia. 

Covid mundo
Foto: Reprodução/ Johns HopkinsAssista e leia também

Senado aprova crédito de quase R$ 2 bilhões para vacina contra Covid-19

Doria diz que vacinação em SP com a Coronavac começa em janeiro

Os Estados Unidos seguem como país com o maior número de mortes e de casos, com 274.648 e 14.012.378, respectivamente.  

Na sequência, no número de óbitos pela doença, vem o Brasil, com mais 174.515 mortos. Em seguida estão a Índia, com 138.648, o México, com 107.565, e o Reino Unido, com 60.210.

Já em relação aos casos, abaixo dos Estados Unidos estão a Índia, com 9,5 milhões de contaminados, e o Brasil em terceiro lugar, com 6,4 milhões de casos.