Butantan recebe novo lote de insumos para produção da Coronavac

Os 5,6 mil litros de Insumo Farmacêutico Ativo (IFA), produzido na China pela Sinovac, permitirão a produção de mais de 8,7 milhões de doses do imunizante

Da CNN, em São Paulo
10 de fevereiro de 2021 às 07:36 | Atualizado 10 de fevereiro de 2021 às 10:05

 

O Instituto Butantan recebeu um novo lote de insumos, vindos da China, para a produção da vacina Coronavac, contra a Covid-19. A carga chegou no Aeroporto de Guarulhos por volta de 7h30 desta quarta-feira (10).

O lote tem 5,6 mil litros de Insumo Farmacêutico Ativo (IFA), produzido na China pela biofarmacêutica Sinovac, parceira do Butantan no desenvolvimento da vacina. 

A matéria-prima permitirá a produção de mais de 8,7 milhões de doses do imunizante, que serão destinadas ao Plano Nacional de Imunizações (PNI). 

Na última quarta-feira (3), 5,4 mil litros de IFA foram recebidos em São Paulo da mesma fornecedora, suficientes para a produção de 8,6 milhões de doses da vacina Coronavac. 

Somadas, as cargas permitirão a fabricação de 17,3 milhões de doses de imunizantes, que começarão a ser entregues ao Ministério da Saúde a partir do final do mês. A previsão do Butantan é que a produção de vacinas contra a Covid-19 alcance até 600 mil doses diárias com as duas remessas de matéria-prima.

Em janeiro, segundo o governo de São Paulo, o Butantan entregou 8,7 milhões de vacinas Coronavac ao Ministério da Saúde. Foram 6 milhões de doses no dia 17, 900 mil no dia 22 e 1,8 milhão no dia 29.

 (Com informações da Agência Brasil)