Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Automedicação pode mascarar sintomas e prejudicar tratamentos, explica médico

    No quadro Correspondente Médico, o neurocirurgião Fernando Gomes falou sobre os riscos de tomar remédio por conta própria, em especial durante a pandemia

    Daniel Corrá,

    da CNN, em São Paulo

    Ouvir notícia

    Na edição desta terça-feira (30) do quadro Correspondente Médico, do Novo Dia, o neurocirurgião Fernando Gomes alertou sobre os riscos da automedicação. Segundo o Conselho Regional de Farmácia, a maioria dos brasileiros tem o hábito de se automedicar. Em meio à pandemia de Covid-19, médicos temem que quadros da doença possam se agravar pela medicação por conta própria.

    “Existe aquele ditado popular: de médico e louco, todo mundo tem um pouco. A automedicação implica na utilização de remédios e substâncias que vão atuar no funcionamento do corpo físico, e muitas vezes, não imaginamos que todos os medicamentos podem apresentar efeitos colaterais, muitas vezes indesejados, e que podem complicar a evolução da doença”, explicou Gomes.

    “Se os sintomas clássicos [de Covid-19] aparecem e se teve contato com alguém com coronavírus ou alguma situação em que houve exposição maior, a melhor medida a ser tomada é procurar profissional de saúde e receber as orientações adequadas”, destacou o médico. “A gente sempre chama a atenção de que a automedicação pode trazer problemas, mascarar sintomas importantes para fazer diagnósticos e estabelecer tratamentos corretos”, completou.

    quadro Correspondente Médico
    No quadro Correspondente Médico, dr. Fernando Gomes falou sobre os riscos da automedicação
    Foto: CNN Brasil (30.mar.2021)

    Mais Recentes da CNN