Brasil já registra mais casos de Covid em 2022 do que no segundo semestre de 2021

Em 35 dias, Brasil registrou 3.988.310 casos de Covid-19 em 2022, contra 3.730.380 na segunda metade de 2021

Kaluan Bernardoda CNN

Ouvir notícia

O Brasil registrou 184.311 casos de Covid-19 e 493 óbitos decorrentes da doença nas últimas 24 horas. Os números foram divulgados pelo Ministério da Saúde nesta sexta-feira (4).

Com isso, o Brasil registrou mais casos de Covid-19 em 2022 do que ao longo de todo o segundo semestre de 2021. São 3.988.310 infecções nestes primeiros 35 dias do ano contra 3.730.380 entre 1 de julho e 31 de dezembro do ano passado.

Ao todo, desde o início da pandemia, o país já acumulou 26.275.831 casos de Covid-19 e 630.494 óbitos decorrentes da doença.

A média móvel de casos está em 177.289, enquanto a de óbitos está em 659. As médias móveis levam em consideração os últimos sete dias e são utilizadas para evitar possíveis distorções causadas por subnotificações aos finais de semana.

Internações de crianças em UTIs aumentaram quase 10 vezes no RJ em dezembro

A taxa de internações de crianças de até 12 anos com Covid-19 em UTIs no estado do Rio de Janeiro cresceu 850% em janeiro, quando comparado a dezembro do ano passado, de acordo com a Secretaria de Estado de Saúde. Apenas seis crianças de seis a 12 anos foram internadas em leitos de terapia intensiva. No primeiro mês de 2022, o número saltou para 57. Leia mais.

Belo Horizonte contraria MP e mantém suspensão de aulas presenciais para crianças

A prefeitura de Belo Horizonte informou nesta sexta-feira (4) que vai contrariar a recomendação do Ministério Público de Minas Gerais (MPMG) e não vai determinar o retorno imediato das aulas presenciais em todas as faixas etárias na capital mineira.

De acordo com o município, as aulas presenciais para crianças de 5 a 11 anos só terão início no dia 14 de fevereiro. O anúncio da suspensão das atividades presenciais para este grupo foi feito pelo prefeito Alexandre Kalil no dia 26 de janeiro. A decisão foi criticada por especialistas ouvidos pela CNNLeia mais.

Anvisa revoga autorização de coquetel de anticorpos contra Covid-19

A Diretoria Colegiada da Anvisa revogou, nesta sexta-feira (2), a autorização que havia concedido ao uso emergencial de um coquetel de anticorpos (banlanivimabe e o etesevimabe) para tratamento da Covid-19, da empresa Eli Lilly

O coquetel havia recebido autorização da Anvisa para uso emergencial em 13 de maio de 2021. Leia mais.

Mulher faz teste de Covid-19 em Porto Alegre / 20/01/2022 REUTERS/Diego Vara

Mais Recentes da CNN