Carga viral de internados por Covid-19 está até 10 vezes mais alta, diz médico

Infectologista e diretor clínico do grupo Fleury, Celso Granato diz que momento é de alerta à sociedade de que a 'doença está muito mais grave'

Produzido por Layane Serrano, da CNN, em São Paulo

Ouvir notícia

Infectologista e diretor clínico do grupo Fleury, Celso Granato relata preocupação com o crescimento de pacientes jovens internados por Covid-19 em todo o país e o consequente aumento da carga viral decorrente da mutação do coronavírus. Em entrevista à CNN nesta quinta-feira (22), o especialista explicou que a alta circulação do vírus, que propicia o surgimento de novas variantes, tem gerado casos mais graves da doença.

“Se compararmos pacientes [internados por Covid-19] de março deste ano com março do ano passado, vemos cargas virais de 5 a 10 vezes maiores. Isso propiciou o aparecimento de novas variantes e torna a doença potencialmente mais grave. É por isso que está aumentando o número de jovens infectados”, afirmou.

Para Granato, pessoas mais jovens ainda não estão conscientes da gravidade da Covid-19, que apresenta riscos à vida não só durante internações, mas também comprometendo a saúde do indivíduo com a continuidade dos sintomas por meses. “Eles talvez tenham uma mortalidade menor porque são mais resistentes, mas, por outro lado, podem ter consequências do período prolongado nos hospitais.”

“Estamos vivendo um momento importante em que precisamos conscientizar a população de que é uma doença muito mais grave do que imaginávamos há um ano e que causa problemas não só naquele momento em que a pessoa está no hospital, mas no desdobramento dos meses subsequentes”, alertou.

Mais Recentes da CNN