Cidade de São Paulo amplia cadastro da ‘xepa’ da dose de reforço contra Covid-19

Até então, a xepa estava disponível somente para os idosos com mais de 60 anos que tomaram a segunda dose ou a dose única há pelo menos seis meses

Anthony Wellsda CNN

Em São Paulo

Ouvir notícia

A partir desta quinta-feira (23), profissionais da saúde da cidade de São Paulo que tomaram a segunda dose ou a dose única há pelo menos seis meses podem se inscrever na “xepa da vacina” para tomar a dose de reforço contra a Covid-19.

Até então, a xepa estava disponível somente para os idosos com mais de 60 anos que tomaram a segunda dose ou a dose única há pelo menos seis meses.

Para receber o imunizante, é necessário apresentar o comprovante de vínculo empregatício em serviço de saúde do município de São Paulo, documento de Conselho de Classe ou um comprovante de profissão, certificado ou diploma.

A campanha nacional da terceira dose começou no dia 15 de setembro, mas o estado de São Paulo começou a aplicar a dose adicional no dia 6, em idosos acima de 90 anos.

Hoje, os idosos com mais de 80 anos estão recebendo a dose de reforço na capital paulista.

Mais Recentes da CNN