Cidade de São Paulo enfrenta falta de doses da vacina da AstraZeneca

Segundo a prefeitura da capital paulista, o abastecimento das doses da vacina produzida pela Fiocruz depende de entrega do Ministério da Saúde

Lucas Rochada CNN

em São Paulo

Ouvir notícia

A cidade de São Paulo enfrenta dificuldades com o abastecimento de doses da vacina contra a Covid-19 da AstraZeneca. Segundo informações do secretário municipal de Saúde, Edson Aparecido, o imunizante está em falta em cerca de metade dos 468 postos de saúde da capital paulista.

A prefeitura de São Paulo informou, nesta quinta-feira (9), que o desabastecimento é fruto da alta adesão da população à campanha. A Secretaria Municipal de Saúde informou que espera receber nesta quinta-feira 254.556 doses da vacina da Pfizer e 128.510 da Coronavac do Governo do Estado. Já as doses da AstraZeneca dependem de entrega do Ministério da Saúde, segundo a pasta.

A prefeitura informou, ainda, que para garantir a vacinação e resolver eventuais desabastecimentos por conta da alta procura em algumas regiões, a secretaria realiza o remanejamento entre as unidades do município.

A capital aplicou 15.409.368 doses, sendo 9.874.108 primeiras doses, 5.200.428 segundas doses e 321.565 doses únicas até esta quarta-feira (8). A cobertura vacinal para população acima de 18 anos está em 104,8% para primeira dose ou dose única e 59,8% para segunda dose ou dose única.

Entre os adolescentes de 12 a 17 anos, foram aplicadas 550.036 primeiras doses, representando cobertura vacinal de 65,2% até o momento.

Mais Recentes da CNN