Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Coronavac: ‘Receberemos os dados de eficácia até o dia 7’, diz Jean Gorinchteyn

    Em entrevista para a CNN, o secretário de Saúde do estado de São Paulo, diz que apesar de não saber a eficácia exata, a vacina gera imunidade acima de 50%

    Da CNN, em São Paulo

    Apesar de estar em estágio avançado nos estudos clínicos de fase 3, ainda não há informações sobre qual é a eficácia da vacina Coronavac, desenvolvida pelo laboratório chinês Sinovac em parceria com o Instituto Butantan. 

    Em entrevista à CNN, o secretário de Saúde do estado de São Paulo, Jean Gorinchteyn, disse que o prazo para receber os dados de eficácia consolidados da China é até o dia 7 de janeiro.

    “Ainda não sabemos a eficácia, mas sabemos que é superior a 50%, então a vacina funciona. Temos até o dia 7 para receber o percentual de eficácia do medicamento.”

    Leia também

    Relações Exteriores tenta liberar 2 milhões de doses de vacina contra a Covid-19

    Em cenário otimista, governo avalia ‘dia D’ de vacinação em 23 de janeiro

    Brasil vai fazer censo sobre vacinação da população

    Questionado se o estado de São Paulo pode adiantar o plano para iniciar a vacinação, marcado inicialmente para o dia 25 de janeiro, Gorinchteyn diz que a medida depende da aprovação da Anvisa.

    “Temos mais de 10,8 milhões de doses de vacinas à disposição e já temos a logística de translado do medicamento. A princípio nosso programa se inicia no dia 25. Se nós tivermos a possibilidade de promover a distribuição de forma mais rápida, podemos antecipar esta data.”

    Novo carregamento da Coronavac chega ao Aeroporto de Viracopos, em Campinas (SP)
    Novo carregamento da Coronavac chega ao Aeroporto de Viracopos, em Campinas (SP)
    Foto: CNN (24.dez.2020)

     (Publicado por Sinara Peixoto)