Covid-19: Capital paulista vacina pessoas com 25 anos nesta sexta-feira

Já sábado (7), será dia de mutirão para aqueles que perderam a data para tomar a segunda dose

Anthony Wells, da CNN em São Paulo*

Ouvir notícia

A cidade de São Paulo começa a vacinar nesta sexta-feira (6) a população com 25 anos. A prefeitura estima que 147.439 mil pessoas receberão a primeira dose de imunizante contra a Covid-19. 

Já no sábado (7), será dia de mutirão para aqueles que perderam a data para tomar a segunda dose.

Ainda não foi divulgado o restante do calendário de vacinação. Segundo o secretário da Saúde do Estado de São Paulo, Jean Gorinchteyn, o corte de 50% no envio de vacinas da Pfizer/BioNTech pelo governo federal ao estado deixa em aberto o início da imunização de adolescentes que possuem deficiências, comorbidades, gestantes e puérperas, inicialmente prevista para começar em 18 de agosto. A previsão é que eles sejam vacinados depois de toda a população adulta.

Pré-cadastro e documentos

Para garantir as doses à população do município de São Paulo, a SMS reforça a obrigatoriedade de apresentar no ato da vacinação um comprovante de residência na capital, juntamente com os documentos pessoais, preferencialmente Cadastro de Pessoas Físicas (CPF) e cartão do Sistema Único de Saúde (SUS).

O comprovante de endereço no município de São Paulo pode ser apresentado de forma física ou digital.

Se não houver no próprio nome do munícipe, serão aceitos comprovantes em nome do cônjuge, companheiro, pais e filhos, desde que apresentado também um documento que comprove o parentesco ou estado civil, como RG, certidão de nascimento, certidão de casamento ou escritura de união estável.

 (*com informações de Rafaela Lara, da CNN em São Paulo)

Mais Recentes da CNN