Formulário de consulta pública sobre vacinação infantil apresenta instabilidade

Usuários relataram mensagem de "número máximo de pessoas já respondeu a este formulário" ao tentar opinar sobre a imunização contra Covid-19 de crianças de 5 a 11 anos

Agente da saúde prepara dose da Pfizer contra Covid-19 para aplicação.
Agente da saúde prepara dose da Pfizer contra Covid-19 para aplicação. Sandro Araújo/Agência Saúde DF

Léo LopesFlávia Martinsda CNN

em São Paulo

Ouvir notícia

O Ministério da Saúde abriu, na madrugada desta sexta-feira (24), um formulário de consulta pública em seu portal oficial para a população opinar sobre a vacinação em crianças de 5 a 11 anos.

Porém, poucas horas após a abertura, o formulário do governo federal – hospedado no serviço de formulários online da Microsoft – apresentou instabilidade e impediu que alguns usuários participassem da consulta pública.

CNN realizou tentativas de preencher o formulário, a partir das 09h30 desta sexta (24), e também não obteve sucesso ao concluir a operação.

Ao tentar enviar as respostas ao Ministério, a seguinte mensagem de erro aparece: “O número máximo de pessoas já respondeu a este formulário.”

O mesmo problema foi relatado por uma série de usuários através das redes sociais.

Mensagem sobre limite de respostas impede que população preencha consulta pública sobre vacinação infantil. / CNN

Por volta de 10h45 desta sexta (24), a CNN conseguiu finalizar o procedimento e enviar as respostas da consulta pública ao governo.

Mensagem confirmando contribuição ao processo de consulta pública sobre vacinação infantil. / CNN

Regras da Microsoft

De acordo com o suporte da Microsoft Forms, os formulários hospedados na plataforma possuem limites de respostas tabelados.

Um formulário criado por uma conta pessoal da Microsoft pode receber até 200 respostas, se criado por uma conta gratuita, e até 1 mil respostas, se criado por uma conta paga.

Se criado em “Ambientes de Nuvem da Comunidade Governamental”, através do Microsoft 365 Apps para pequenos e médios negócios ou do serviço Office 365 Education, até 50 mil respostas são permitidas no formulário.

Não está claro através de qual categoria o Ministério da Saúde criou o formulário para a consulta pública da vacinação infantil.

CNN entrou em contato com a pasta para comentar a instabilidade, mas não houve retorno até o momento.

Mais Recentes da CNN