Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    França confirma vacinação contra gripe aviária após testes de eficácia

    Anúncio ocorre após resultados de uma série de testes na vacinação de patos que mostraram "eficácia satisfatória", disse o Ministério da Agricultura

    França encarregou duas empresas, a francesa Ceva Animal Health e a alemã Boehringher Ingelheim, de desenvolver vacinas contra a gripe aviária para patos
    França encarregou duas empresas, a francesa Ceva Animal Health e a alemã Boehringher Ingelheim, de desenvolver vacinas contra a gripe aviária para patos Catherine Falls Commercial/Getty Images

    Sybille de La Hamaideda Reuters em Paris

    A França confirmou seu objetivo de lançar um programa de vacinação contra a gripe aviária no outono, que começa no hemisfério Norte em setembro. O anúncio ocorre após resultados de uma série de testes na vacinação de patos que mostraram “eficácia satisfatória”, disse o Ministério da Agricultura.

    Uma cepa grave de influenza aviária altamente contagiosa, comumente chamada de gripe aviária, devastou a produção de aves em todo o mundo, levando ao abate de mais de 200 milhões de aves nos últimos 18 meses.

    A França foi o país mais atingido da União Europeia e enfrenta um forte ressurgimento de surtos desde o início deste mês na parte Sudoeste do país, principalmente entre patos.

    O país já havia lançado uma pré-encomenda de 80 milhões de vacinas no mês passado, que precisava ser confirmada com base nos testes finais realizados pela agência francesa de segurança sanitária ANSES.

    “Esses resultados favoráveis forneceram garantias suficientes para lançar uma campanha de vacinação já no outono de 2023”, escreveu o Ministério da Agricultura em seu site.

    Os governos, muitas vezes tímidos em usar a vacinação devido às restrições comerciais que ela pode acarretar, têm considerado cada vez mais adotá-las para conter a propagação do vírus e evitar a transmissão para humanos.

    Os resultados dos testes demonstraram um bom controle da transmissão do vírus em patos-mula vacinados, uma diferenciação entre animais infectados e vacinados, conhecido como princípio DIVA, e uma redução na eliminação de vírus por aves vacinadas, disseram as conclusões do teste.

    A França encarregou duas empresas, a francesa Ceva Animal Health e a alemã Boehringher Ingelheim, de desenvolver vacinas contra a gripe aviária para patos.

    Vários outros países da UE estão realizando testes, incluindo a Holanda em galinhas poedeiras e a Itália em perus.

    Os primeiros resultados na Holanda mostraram que as vacinas testadas eram eficientes.

    (Edição de Christian Schmollinger)