Indonésia vai começar testes em humanos de vacina da Sinovac contra a Covid-19

Candidata a vacina é a mesma testada no Brasil

Profissional de saúde segura caixa da vacina da Sinovac na Universidade de Pajadjaran, na Indonésia
Profissional de saúde segura caixa da vacina da Sinovac na Universidade de Pajadjaran, na Indonésia Foto: Antara Foto/M Agung Rajasa via Reuters (6.ago.2020)

Reuters

Ouvir notícia

Testes de uma potencial vacina contra a Covid-19 em humanos devem começar na próxima semana na Indonésia, em uma colaboração entre a empresa estatal farmacêutica Bio Farma e a chinesa Sinovac Biotech, disse um pesquisador do grupo nesta quinta (6).

O início do teste da vacina ocorre no momento em que a Indonésia sofre para conter a disseminação do novo coronavírus, com uma escalada constante dos números de casos confirmados de Covid-19.

Leia também:

Vacina poderá ser produzida em outubro, diz diretor do Butantan

Governo assina nesta quinta MP para compra da vacina de Oxford contra Covid-19

A terceira fase dos testes está programada para ter início em 11 de agosto e deve envolver 1.620 voluntários entre 18 e 59 anos, afirmou o professor Kusnandi Rusmil, chefe de pesquisas da Universidade Padjadjaran, de Bandungue, a repórteres.

A potencial vacina da Sinovac contra o coronavírus já está sendo testada no Brasil, em parceria com o Instituto Butantan, ligado ao governo do estado de São Paulo.

Metade dos participantes receberá a vacina ao longo de um período de seis meses e o restante receberá um placebo, disse Rusmil, pontuando que 800 pessoas se voluntariaram até agora.

“Queremos ter nossas vacinas para podermos usá-las em nosso povo”, disse Rusmil, a repórteres.

Até quarta-feira, a Indonésia tinha registrado 116.871 casos de Covid-19 e 5.432 mortes —os maiores números do Leste Asiático.

A pandemia de coronavírus levou a uma corrida global pela vacina, com mais de cem em desenvolvimento e por volta de uma dúzia já sendo testada em humanos.

 

Mais Recentes da CNN