Máscara com sensor pode detectar Covid-19 em 90 minutos

No quadro Correspondente Médico, dr. Fernando Gomes explicou como funciona acessório tecnológico desenvolvido por pesquisadores americanos

Pauline Almeida, da CNN, no Rio de Janeiro

Ouvir notícia

Na edição desta quarta-feira (30) do quadro Correspondente Médico, do Novo Dia, o neurocirurgião Fernando Gomes falou sobre uma máscara que pode detectar o vírus da Covid-19 em apenas 90 minutos. O acessório foi desenvolvido por pesquisadores da Universidade de Harvard e MIT. A tecnologia é tão precisa quanto um teste do tipo RT-PCR e não exige nenhuma intervenção do usuário além do pressionamento de um botão.

O médico explicou que a máscara funciona com biossensores que detectam as partículas virais. “Através da própria respiração e após 1h30 que a pessoa aperta o botão, existe uma reação, assim como se faz o teste de gravidez, por exemplo, e em até 90 minutos se vai ter a resposta se tem a presença de partículas virais da Covid-19 ou não”, disse Gomes.

“Lembrando que esse resultado é dado pela parte de dentro da máscara, de modo que a pessoa tenha sua individualidade garantida. Não é que a pessoa põe a máscara e vai ficar todo mundo olhando pra saber se ela está com coronavírus ou não”, completou o médico.

De acordo com os pesquisadores, a nova máscara é um método mais rápido e econômico para o diagnóstico da Covid-19. “A estratégia é o rastreio ativo. Não adianta se fazer um diagnóstico de coronavírus se eu não tiver um comportamento na sequência, que é tanto a pessoa contaminada quanto as que estão em volta se isolarem por pelo menos três semanas”, detalhou Fernando Gomes.

 

quadro Correspondente Médico
No quadro Correspondente Médico, dr. Fernando Gomes explicou como funciona máscara que detecta presença do coronavírus em 90 minutos
Foto: CNN Brasil (30.jun.2021)

 

Mais Recentes da CNN