Moderna projeta até 125 milhões de vacinas no início de 2021 – a maioria nos EUA

Conheça os planos da farmacêutica Moderna para a distribuição da sua vacina contra a Covid-19

Moderna afirma que sua vacina contra o coronavírus tem 94,5% de eficiência
Moderna afirma que sua vacina contra o coronavírus tem 94,5% de eficiência Foto: Dado Ruvic/Reuters

Por Samira Said e Maggie Fox, da CNN

Ouvir notícia

A farmacêutica Moderna disse, nesta quinta-feira (3), que espera ter entre 100 milhões e 125 milhões de doses de sua vacina contra o novo coronavírus disponíveis até o primeiro trimestre de 2021, com a maioria delas destinadas ao mercado dos Estados Unidos.

A empresa solicitou autorização de uso emergencial para sua vacina junto à Food and Drug Administration (FDA), agência reguladora dos EUA, e os consultores se preparam para discutir a aplicação em 17 de dezembro.

Leia também:
Coronavac e Astrazeneca lideram menções de vacinas na internet; veja ranking

Vacina russa custará 50% da americana e quase o mesmo que chinesa; veja preços

A Moderna também já solicitou aprovação condicional aos reguladores europeus de medicamentos.

“Hoje, a Moderna reafirmou sua expectativa de ter cerca de 20 milhões de doses disponíveis nos EUA até o final de 2020”, disse a empresa em nota.

“Além disso, a empresa espera ter entre 100 milhões e 125 milhões de doses disponíveis globalmente no primeiro trimestre de 2021, com 85 a 100 milhões disponíveis nos EUA e 15 a 25 milhões disponíveis fora do território americano. As doses de um quarto estão incluídas nos 500 milhões a até 1 bilhão de doses que a empresa espera fabricar globalmente em 2021″.

A vacina Moderna requer duas doses por pessoa, com um intervalo de quatro semanas entre as aplicações.

Mais Recentes da CNN