Número de mortes por coronavírus sobe para 4, diz governo de SP

Estado registrou os primeiros quatro casos no interior, em Campinas, São José dos Campos, São José do Rio Preto e Jaguariúna

Guilherme Venaglia

Da CNN Brasil, em São Paulo

Ouvir notícia

O número de óbitos relacionados ao novo coronavírus no Brasil subiu para quatro nesta quarta-feira (18), segundo balanço divulgado pela Secretaria de Saúde de São Paulo. O quarto óbito foi de um paciente de 81 anos, morador de Jundiaí e que foi atendido em um hospital privado da capital paulista.

Mais cedo, o estado já havia registrado outras duas vítimas no dia de hoje. Segundo a Secretaria de Saúde, há 240 casos confirmados da doença em São Paulo.

A imensa maioria se concentra na capital paulista e região metropolitana, mas o governo informa que foram registrados os primeiros quatro casos no interior do estado. O registro é de um caso em São José dos Campos, Campinas, São José do Rio Preto e Jaguariúna.

Prefeitura investiga rede

Pouco antes, a Prevent Senior, dona da rede de hospitais Sancta Maggiore, em São Paulo, informou que os óbitos ocorreram na unidade do bairro do Paraíso, na região central da capital paulista. O secretário municipal de Saúde de São Paulo, Edson Aparecido, confirmou à CNN Brasil que vai investigar a Prevent Senior por deixar de fazer a notificação compulsória de pacientes com o novo coronavírus. 

A Coordenadoria de Vigilância em Saúde fez duas visitas de inspeção ao hospital, uma ontem e outra hoje, e conversou com funcionários do estabelecimento. Com sete funcionários do hospital internados com coronavírus, integrantes da pasta desconfiam que o hospital possa ter se tornado um foco de transmissão local. Se forem constatadas irregularidades, a Prevent Senior pode sofrer punições administrativas e a administração municipal ainda pode recomendar a abertura de um inquérito para o Ministério Público.

A CNN Brasil busca contato com a Prevent Senior para saber a posição da empresa sobre a declaração da prefeitura.

Mais Recentes da CNN