Pelo menos 79 mil pessoas receberão 2ª dose da Coronavac com atraso no RJ

Pouco mais de 184 mil doses do imunizante produzido pelo Instituto Butantan estão previstas para serem entregues ao estado na sexta-feira (14);

Frasco com Coronavac, vacina contra Covid-19; RJ receberá novo lote do imunizante na sexta-feira (14)
Frasco com Coronavac, vacina contra Covid-19; RJ receberá novo lote do imunizante na sexta-feira (14) Foto: Divulgação/Governo do Estado de São Paulo (2.mar.2021)

Beatriz Puente, da CNN, no Rio de Janeiro

Ouvir notícia

Pelo menos 79 mil pessoas no estado do Rio de Janeiro estão com aplicação da segunda dose da vacina Coronavac em atraso. O levantamento feito pela CNN inclui moradores da capital e dos municípios de São Gonçalo, São João de Meriti e Nova Iguaçu.

Devido à demora na entrega dos lotes, a aplicação foi suspensa nesta quinta-feira (13) em pelo menos sete cidades, incluindo a cidade do Rio de Janeiro. A previsão é de que o Ministério da Saúde entregue um novo lote da vacina na sexta-feira (14).

Na capital, o secretário municipal de Saúde, Daniel Soranz, disse que 40 mil pessoas aguardam a aplicação da segunda dose. Já na Baixada Fluminense, o município de Nova Iguaçu contabiliza 22 mil pessoas que precisam completar o calendário vacinal, enquanto em São João de Meriti, 4 mil pessoas aguardam a chegada das doses. De acordo com a prefeitura de São Gonçalo, 13 mil pessoas não receberam a  2ª dose da Coronavac.

A vacinação com o imunizante produzido pelo Instituto Butantan está suspensa nos municípios de São João de Meriti, Nova Iguaçu, Nilópolis e Mesquita, na Baixada Fluminense, Niterói, São Gonçalo, na região metropolitana, e na capital fluminense.

A expectativa é que o estado receba 184 mil doses da vacina Coronavac nesta sexta-feira. A Secretaria de Estado da Saúde do Rio de Janeiro informou que fará a reserva de 20 mil doses do imunizante para gestantes e puérperas com comorbidades. Serão 10 mil para primeira dose e 10 mil para segunda.

Além do lote da vacina Coronavac, também será entregue pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) uma remessa do imunizante de Oxford/AstraZeneca. Serão 54.750 unidades para completar o lote que teve 205 mil unidades de vacina retiradas na última sexta-feira (7).

Calendário de vacinação na capital

A prefeitura do Rio de Janeiro reorganizou o calendário vacinal para quem ainda precisa tomar a da 2ª dose da Coronavac. Segundo a Secretaria Municipal de Saúde, a mudança foi feita por conta do atraso na entrega das vacinas por parte do Ministério da Saúde. Agora, pessoas de 64 e 65 anos devem ir aos postos na sexta-feira para serem imunizadas.

Apesar dos atrasos na chegada das doses, o prefeito do Rio, Eduardo Paes, disse que pretende terminar a vacinação de todas as pessoas com comorbidade e com  deficiência permanente nas próximas duas semanas.

Paes afirmou ainda que, se não houver mais atrasos, todos os cariocas acima de 18 anos podem estar imunizados com a primeira dose até outubro.

O calendário de vacinação contra a Covid-19 dos grupos prioritários foi antecipado na cidade do Rio. Nesta quinta-feira (13), serão vacinados homens de 47 e 48 anos com comorbidades na parte da manhã e mulheres desse mesmo grupo durante a tarde.

Mais Recentes da CNN