Pelo menos nove municípios fluminenses podem flexibilizar uso de máscaras

Cidades com requisitos básicos de imunização poderão desobrigar o uso das máscaras em espaço aberto a partir de sexta (29)

Isabelle Salemeda CNN

No Rio de Janeiro

Ouvir notícia

Entre nove e dez municípios fluminenses se enquadram nos requisitos necessários para retirar a obrigatoriedade do uso de máscaras de proteção facial em lugares abertos, disse o secretário estadual de Saúde do Rio de Janeiro, Alexandre Chieppe. A Secretaria vai publicar uma regulação para que as cidades possam fazer a flexibilização até a próxima sexta-feira (29).

Um dos fatores exigidos é a cobertura vacinal completa (com dose única ou duas doses) de 65% da população total ou 75% das pessoas com12 anos ou mais. Além disso, para que a máscara não seja mais obrigatória em ambientes abertos, os municípios vão precisar estar classificados pelo governo do estado como risco muito baixo, baixo ou moderado de contaminação.

A lei que flexibiliza o uso da máscaras em espaço aberto foi publicada em Diário Oficial na manhã desta quinta-feira (28), dois dias depois de os deputados estaduais aprovarem a mudança da lei que obrigava o uso do equipamento em território fluminense.

Um levantamento feito pela CNN mostra que pelo menos 13 cidades fluminenses vão manter a obrigatoriedade do item, mesmo com a nova lei estadual. Na capital, o uso das máscaras em locais abertos e sem aglomeração já está liberado por decreto municipal publicado na última quarta-feira (27), mas os cariocas só podem abandonar a máscara de fato depois que a regulação do Estado for publicada. É que, no combate à pandemia, em caso de medidas conflitantes, vale a mais restritiva.

Mais Recentes da CNN