Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Prazo de validade de novos lotes da vacina da Fiocruz é ampliado pela Anvisa

    Decisão vale para lotes fabricados a partir desta quarta-feira (30); tempo passou de seis para nove meses

    Frasco da vacina 100% nacional contra a Covid-19, produzida pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz)
    Frasco da vacina 100% nacional contra a Covid-19, produzida pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) Fabio Rodrigues-Pozzebom/Agência Brasil

    Ingrid Oliveirada CNN*

    Ouvir notícia

    Nesta quarta-feira (30), a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) autorizou a ampliação do prazo de validade da vacina Covid-19 (recombinante), fabricada pela Fiocruz. A medida foi publicada no Diário Oficial da União (DOU).

    Isso quer dizer que o prazo de validade, que antes era de seis meses, passou para nove meses. A decisão vale para lotes fabricados a partir desta quarta.

    Segundo a Anvisa, “este novo prazo de validade é aplicável para a vacina Covid-19 (recombinante) fabricada apenas pela Fiocruz, ou seja, a vacina da Covid-19 (recombinante) fabricada pela AstraZeneca permanece com o prazo de validade de 6 meses”.

    O pedido foi protocolado na Agência no dia 11 de fevereiro. Para a agência, a medida é mais um reforço na batalha contra a pandemia.

    Essa não foi a primeira vez que a Anvisa tomou tal decisão. Em agosto do ano passado, a agência reguladora também aprovou a ampliação da validade da vacina Covid-19 (recombinante), fabricada pela empresa Serum Institute of India Pvt Ltd (SII), e importada pela Fiocruz.

    Como ficam os lotes que estão no mercado

    Para os lotes já distribuídos da vacina da Covid-19 fabricada pela Fiocruz e com a data de validade de 6 meses impressa na rotulagem, deverá ser feito um pedido de excepcionalidade por parte da Fiocruz.

    Isso não muda, no entanto, as condições de conservação dos imunizantes. De acordo com a agência, as doses devem ser conservadas sob refrigeração (2 a 8°C). Não congelar. A armazenagem na embalagem deve ser externa a fim de proteger da luz.

    Após a retirada da primeira dose, o frasco deve ser administrado por no máximo 6 horas em temperatura ambiente de até 30°C. Ou, em até 48 horas (dois dias) sob refrigeração de 2ºC a 8°C.

     

     

    Mais Recentes da CNN