Prefeitura do Rio registra mais de 22 mil autuações em 15 dias de fiscalizações

O número representa mais de 60 infrações a cada hora aos decretos

Movimento na região do Saara, no centro do Rio de Janeiro, em meio a pandemia da Covid-19
Movimento na região do Saara, no centro do Rio de Janeiro, em meio a pandemia da Covid-19 Foto: Ellan Lustosa/Código19/Estadão Conteúdo (15.dez.2020)

Lucas Janone e Camile Couto, da CNN, no Rio de Janeiro

Ouvir notícia

A Prefeitura do Rio de Janeiro registrou 22.887 autuações em 15 dias de fiscalização das medidas restritivas para conter os avanços da Covid-19 no município. O número representa mais de 60 infrações a cada hora aos decretos, que engloba multas e interdições a estabelecimentos, infrações sanitárias, multas de trânsito, reboques e apreensões de mercadorias.

O levantamento foi divulgado pela Secretaria Municipal de Ordem Pública (Seop) neste sábado (24).

Bares e restaurantes foram os mais atuados durante os 15 dias de fiscalização. Durante todo o período, os fiscais multaram 963 estabelecimentos e fecharam outros 202 por desrespeito às medidas restritivas.

Nesta sexta-feira (23), as fiscalizações da Seop registraram 1.664 autuações, com 24 multas aplicadas a bares, restaurantes e ambulantes e sete estabelecimentos por desrespeitarem as medidas previstas em decreto municipal.

Um decreto do prefeito Eduardo Paes (DEM) publicado nesta sexta-feira (23) em Diário Oficial flexibilizou algumas medidas de restrição contra a Covid. A partir deste sábado, a permanência nas praias e o banho de mar fica permitido aos cariocas. Entretanto, a liberação vale somente em dias úteis.

Mais Recentes da CNN