Procura por atendimento pós-Covid tem aumento de 40% 

A doença pode gerar diversas sequelas, que os médicos indicam ser tratadas com rapidez

João Venturi, da CNN, em São Paulo

Ouvir notícia

Uma estimativa da Associação Brasileira de Otorrinolaringologia e Cirurgia Cérvico-Facial (ABORL-CCF) aponta que nas últimas semanas houve um aumento de 40% na demanda de pessoas que procuram centros especializados na reabilitação pós-Covid. 

A doença pode gerar diversas sequelas que precisam ser tratadas, como aconteceu com o porteiro Gilmar Ferreira Lopes, que ficou três meses internado em em UTI. “Fiquei com duas sequelas, uma do lado direito do pulmão e a outra do esquerdo. Tenho muita dificuldade para subir em portas de ônibus, ladeiras e escadas, há muito cansaço”, disse. 

Com relação as sintomas da perda de olfato e do paladar, o médico otorrinolaringologista Jamal Azzam afirmou que o tratamento precisa ser o mais rápido possível. 

“O que a maioria da população ainda não sabe e não percebeu é que ficar sem olfato e paladar pode levar a um prejuízo drástico na qualidade de vida”, explicou o profissional da saúde. “A pessoa pode ter problemas com a segurança pessoal, como acidentes domésticos e até depressão.”

Procura por atendimento pós-Covid cresce em 40% 
Procura por atendimento pós-Covid cresce em 40% (10.abr.2021)
Foto: Reprodução / CNN

(Publicado por Bruna Baddini)

Mais Recentes da CNN