Rio vai exigir dose de reforço de pessoas acima de 18 anos em passaporte vacinal

Até o momento, a exigência de apresentação da dose de reforço contempla apenas adultos acima de 40 anos

Jaqueline Frizonda CNN

no Rio de Janeiro

Ouvir notícia

A cidade do Rio de Janeiro vai ampliar a exigência da dose de reforço contra a Covid-19 no passaporte vacinal para pessoas acima de 18 anos. A medida passa a valer a partir do dia 4 de abril, considerando a entrada em estabelecimentos fechados como bares, restaurantes, academias, museus e teatros. Até o momento, a exigência contempla apenas adultos acima de 40 anos.

O secretário municipal de Saúde Daniel Soranz afirmou que o cenário epidemiológico se mantém favorável, segundo o Comitê Especial de Enfrentamento à Covid-19. “Estamos no melhor panorama desde o início da pandemia, com redução de casos e internações. Está cada vez mais raro encontrar paciente grave com o novo coronavírus”.

Apesar dos resultados positivos, o comprovante de vacinação segue obrigatório até que 70% da população esteja vacinada com a dose de reforço. “São mais de 640 mil cariocas que estão aptos a tomar a primeira dose de reforço”, reforçou Soranz.

O comitê realiza o acompanhamento dos indicadores da pandemia no contexto da realização do Carnaval em abril. Segundo o secretário, nenhuma medida restritiva vai ser estabelecida. “Carnaval já está acontecendo sem nenhuma alteração no cenário epidemiológico, sem aumento de casos. O vírus tem a menor taxa de transmissão em toda a pandemia”, disse.

Mais Recentes da CNN