São Paulo confirma quinto caso da variante Ômicron; já são 11 no Brasil

É o primeiro caso "importado" da variante no interior de São Paulo

Elizabeth Matravolgyida CNN

Ouvir notícia

A Secretaria de Estado de São Paulo confirmou neste domingo (12) o primeiro caso “importado” da variante Ômicron no interior. Trata-se de uma mulher de 40 anos, residente em Limeira, e que viajou à África do Sul e à França em novembro.

Este é o quinto caso da variante Ômicron no estado paulista.

Ela tem esquema vacinal completo e relata apenas sintomas leves, como dor de cabeça, tosse e secreção nasal. Está sob monitoramento da Vigilância municipal de Limeira e em isolamento domiciliar, sem contato com marido e filho, que já tiveram resultado negativo para exame de PCR.

A paciente teve diagnóstico positivo para Covid-19 no dia 3 de dezembro, após realizar um teste de antígeno. Sua amostra foi submetida a sequenciamento genético pelo Instituto Adolfo Lutz, com resultado para a nova variante.

Todos os outros casos de Ômicron em São Paulo também tinham vacinação completa e relato de sintomas leves ou assintomáticos.

A Secretaria de Estado da Saúde, por meio do Centro de Vigilância Epidemiológica (CVE) estadual, mantém o monitoramento do cenário epidemiológico em todo o território de SP.

Os casos são acompanhados individualmente pelas equipes municipais de saúde e todo e qualquer agravo inusitado é monitorado pela vigilância estadual.

Segundo o levantamento da Agência CNN, o Brasil registra 11 casos da variante Ômicron do coronavírus. Além de São Paulo, o Distrito Federal e o Rio Grande do Sul confirmaram dois casos cada.

Também segundo a Agência CNN, 60 países já registram infecções com a nova variante.

Mais Recentes da CNN