Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Saúde compra 750 mil doses da Coronavac e prevê acordo de 2,6 milhões para vacinação infantil

    Primeiras doses devem ser entregues na próxima semana e distribuídas aos estados e Distrito Federal para continuidade da vacinação de crianças de 3 a 11 anos

    Vacina da Coronavac contra a Covid-19
    Vacina da Coronavac contra a Covid-19 Daniel Tavares/PCR

    Lucas RochaGabriela Coelhoda CNN

    em São Paulo e em Brasília

    O Ministério da Saúde assinou um acordo para a compra de mais 750 mil doses da vacina Coronavac, contra a Covid-19, produzida no Brasil pelo Instituto Butantan.

    De acordo com o ministério, além do acordo assinado na sexta-feira (6), um novo aditivo deve ser assinado nos próximos dias, garantindo a compra de 2,6 milhões de doses no total.

    As primeiras doses devem ser entregues na próxima semana e distribuídas aos estados e Distrito Federal para continuidade da vacinação de crianças de 3 a 11 anos.

    A CNN entrou em contato com o Instituto Butantan e aguarda retorno.

    Desabastecimento

    Na sexta-feira, a secretária de Vigilância em Saúde e Ambiente do Ministério da Saúde, Ethel Maciel, disse afirmou que a nova equipe integrou a pasta em meio ao desabastecimento de doses da vacina contra a Covid-19 para o público infantil e com contratos com o Butantan paralisados.

    Segundo Maciel, existe a expectativa de que a Pfizer entregue 3,2 milhões de doses para crianças de 6 meses a 4 anos de idade, e de 4,5 milhões de doses para atender o público entre 5 e 11 anos até o fim de janeiro.

    Em nota, o ministério afirmou que a pasta segue em tratativas com os laboratórios para garantir mais imunizantes para o público infantil o mais breve possível.

    (Com informações de Marina Demori)