Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    SP inicia vacinação de gestantes sem comorbidades nesta segunda (7)

    Capital paulista também inicia a imunização de lactantes com comorbidades a partir de hoje

    Anna Gabriela Costa, da CNN, em São Paulo

    Ouvir notícia

     

    Gestantes e puérperas acima de 18 anos e sem comorbidades poderão receber a primeira dose do imunizante contra a Covid-19, em São Paulo, a partir desta segunda-feira (7). Cerca de 400 mil mulheres serão vacinadas nesta etapa.

    Já as demais cidades do estado de São Paulo começarão a imunizar este público a partir desta  quinta-feira (10).

    “Na capital, em São Bernardo do Campo e em Campinas, iniciaremos a vacinação de gestantes e puérperas. E a partir de quinta, dia 10, em todos os demais municípios do estado de São Paulo, de maneira a planejar e organizar a vacinação com a vacina correta. Ou seja, as vacinas da Pfizer e a do Butantan, que são as duas que a medicina recomenda e aprova para gestantes e puérperas”, afirmou o governador de São Paulo, João Dória. 

    As grávidas em qualquer período gestacional deverão apresentar relatório ou laudo médico com indicação do profissional para tomar a vacina. As puérperas (mulheres que deram à luz nos últimos 45 dias) devem apresentar certidão de nascimento da criança.

    Lactantes com comorbidades

    Além das gestantes, mulheres que estão amamentando e apresentam comorbidades também começarão a ser imunizadas na capital paulista a partir desta segunda-feira (7).  Neste grupo, a estimativa é de vacinar 28 mil mulheres em São Paulo.

    Além do comprovante da comorbidade e de residência do município de São Paulo, será necessária a apresentação da certidão de nascimento do bebê, de até 12 meses de idade.  “Não há restrição de vacinas a serem administradas nas lactantes, diferente das grávidas e puérperas”, destaca o secretário municipal da Saúde, Edson Aparecido.

    Mulher grávida
    Mulheres grávidas e sem comorbidades já podem se vacinar em São Paulo
    Foto: Free Photos/ Pixabay

    Postos de vacinação

    Os drive-thrus, que haviam fechado temporariamente na sexta-feira (4), voltam a funcionar a partir desta segunda-feira para aplicação da segunda dose.

    Assim como os demais grupos contemplados na imunização, este público poderá ser imunizado nas 468 Unidades Básicas de Saúde (UBS), AMA/UBS Integradas, nos dez mega postos, farmácias e drives implantados na cidade.

    Quem precisar tomar a segunda dose também deve procurar uma das UBSs da cidade. A prefeitura recomenda que a ida aos locais de vacinação aconteça de maneira gradual, evitando aglomerações nos postos, e com o pré-cadastro no site Vacina Já

    Mais Recentes da CNN