SP: Vacinação de idosos de 72 a 74 anos contra Covid-19 começa em 22 de março

Nova etapa do calendário de imunização contra o novo coronavírus foi anunciada pelo governador João Doria nesta quarta-feira (10)

João Doria (PSDB), governador de São Paulo, durante coletiva
João Doria (PSDB), governador de São Paulo, durante coletiva Foto: CNN (03.mar.2021)

Murillo Ferrari, da CNN, em São Paulo

Ouvir notícia

O estado de São Paulo começará a vacinar idosos de 72 a 74 anos no dia 22 de março. O anúncio foi feito nesta quarta-feira (10) pelo governador João Doria (PSDB).

“Nós ainda temos esperança. E, falando de esperança, o estado de São Paulo vai começa a vacinação de pessoas de 72, 73 e 74 anos no dia 22 de março em todo o estado”, disse Doria, em entrevita no Palácio dos Bandeirantes.

“Vamos usar o sistema drive-thru e as unidades de saúde estaduais e municiapais para essa vacinação”, completou.

A coordenadora do controle de Doenças da Secretaria da Saúde de SP, Regiane de Paula, afirmou que essa nova etapa de imunização abrangerá 730 mil pessoas – elevando para 4,2 milhões o total de pessoas habilitada a serem imunizadas no estado.

“Estamos avançando. Gostaríamos de avançar muito mais e fazer com que mais pessoas e faixa etárias fossem vacinadas”, afirmou.

Cronograma de vacinação contra Covid-19 em São Paulo
Cronograma de vacinação contra Covid-19 em São Paulo; idosos de 72 a 74 anos serão imunizados a partir de 22 de março
Foto: Divulgação/Governo de SP

Novos leitos de UTI

O governo paulista também anunciou uma nova expansão dos leitos no estado, com a abertura de mais 338 vagas, 167 delas em UTI e as demais em enfermaria.

“São leitos para atendimento de pacientes com Covid-19 em hospitais estaduais, municipais e filantrópicos. Esse é o terceiro anúncio de abertura de novos leitos que fazemos em menos de duas semanas. Percebam a gravidade e a evolução rápida do vírus em São Paulo e em todo o Brasil”, disse Doria.

De acordo com o governador, apenas nas últimas duas semanas foram anunciados 1.118 novos leitos hospitalares em SP, dos quais 676 são de UTI. A promessa é que todos estejam em operação até o fim do mês.

Mais Recentes da CNN