Após queda na sexta-feira, Twitter mostra instabilidade novamente no sábado (17)

Cerca de 700 queixas de dificuldade de uso do site da rede social foram registradas pela manhã e voltam a aparecer durante a tarde

Aplicativo do Twitter
Aplicativo do Twitter Foto: Mike Blake/Reuters (22.jul.2019)

Luana Franzão*,

da CNN, em São Paulo

Ouvir notícia

Após apresentar instabilidade na noite de sexta-feira (16), por volta das 22 horas, o Twitter volta a apresentar dificuldades no acesso no sábado. Segundo o site Downdetector, que registra queixas sobre o assunto, cerca de 790 usuários denunciaram a falta da rede às 10 horas da manhã.

As principais reclamações eram sobre acesso através do site para computadores. Os aplicativos para Android e IPhone continuaram funcionando, porém com maior lentidão que o comum.

O funcionamento foi normalizado perto das 11 horas, mas novas queixas foram registradas às 13 horas, já durante a tarde. Muitos usuários relatam lentidão nos aplicativos e no site, e dificuldade no carregamento de imagens e vídeos.

Na própria rede, nos momentos de estabilidade, usuários brincam com a dificuldade de usar a rede social. “A pior coisa de o Twitter ter caído é não poder tuitar que ele caiu”, disse um usuário.

Na sexta-feira, a queda foi mais brusca. Não era possível acessar o Twitter nem pelo site, nem pelas aplicações. No Downdetector, mais de 6 mil queixas foram registradas perto das 21 horas e continuaram em picos durante a madrugada.

O Twitter se pronunciou sobre o assunto no sábado, afirmando que “sabiam que o Twitter não estava funcionando para alguns” e que “estão corrigindo um problema com servidores para que as coisas voltem ao normal em breve”.

Segundo estudo da Semiocast, o Brasil é o segundo país com mais perfis no Twitter, totalizando mais de 500 milhões de contas, atrás apenas dos Estados Unidos.

*sob supervisão

Mais Recentes da CNN