Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Artemis 1: foguete de missão histórica da Nasa chega à plataforma de lançamento

    Foguete está previsto para ser lançado à Lua no dia 29 de agosto

    Foguete SLS e espaçonave Orion chegam à plataforma 39B do Centro Espacial Kennedy, na Flórida (EUA)
    Foguete SLS e espaçonave Orion chegam à plataforma 39B do Centro Espacial Kennedy, na Flórida (EUA) Joel Kowsky/Nasa

    Anna Gabriela CostaMaria Augusta Messiasda CNN

    em São Paulo

    O foguete do sistema de lançamento espacial (SLS) e a espaçonave Orion chegaram à plataforma de lançamento no Centro Espacial Kennedy da Nasa, na Flórida (EUA), na manhã desta quarta-feira (17). Os aparatos serão utilizados na missão Artemis 1 – um audacioso projeto da Nasa que levará objetos para a Lua.

    O foguete e a espaçonave foram transportadas conectados à torre de lançamento, por meio do “Crawler-Transporter”, um imenso veículo sobre esteiras. A viagem de 6,7 km levou quase 10 horas para ser concluída.

    “Nos próximos dias, engenheiros e técnicos configurarão os sistemas na plataforma para lançamento, que deve ocorrer a partir de 29 de agosto às 8h33 (do horário local), com uma janela de lançamento de duas horas”, disse a Nasa.

    Artemis 1 levará Snoopy, Alexa e itens da Apolo 11 para a Lua

    A missão Artemis 1 da Nasa não levará nenhum humano à Lua, mas isso não significa que a espaçonave Orion estará vazia.

    Dentro da Orion estarão três manequins, brinquedos e até uma Alexa da Amazon, além de itens históricos e educativos.

    A missão — que dará início ao programa Artemis, com o objetivo de eventualmente levar humanos à Lua novamente — continua uma tradição que começou na década de 1960 de naves espaciais da Nasa com lembranças. A tradição inclui o disco de ouro da sonda Voyager e o microchip do rover Perseverance de 10,9 milhões de nomes.

    A missão Artemis 1 levará 120 quilos de lembranças e outros itens em seu kit de voo oficial.