Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Banido do Twitter, perfil que rastreia jato de Elon Musk migra para o Threads

    Jack Sweeney usava dados de domínio público e emitia alertas para rastrear os movimentos do jato particular de Musk –que é dono do Twitter

    Na noite de domingo (9), a conta já tinha mais de 70 mil seguidores
    Na noite de domingo (9), a conta já tinha mais de 70 mil seguidores Jaap Arriens/NurPhoto via Getty Images

    Da CNN

    São Paulo

    O jovem Jack Sweeney, dono da conta de bot que rastreava o jato particular de Elon Musk, abriu uma conta no aplicativo Threads nesta semana. Ele havia sido banido do Twitter –que pertence a Musk– no ano passado.

    Na última quinta-feira (6), Sweeney publicou sua primeira mensagem no aplicativo: “ElonJet chegou ao Threads!”, no perfil @elonmusksjet. Na noite deste domingo (9). o estudante já tinha mais de 71 mil seguidores na plataforma.

    Sweeney é um estudante de 20 anos da Universidade da Flórida Central que usava sua conta no Twitter para rastrear os movimentos do jato particular de Musk usando dados de domínio público e emitindo alertas.

    Em dezembro de 2022, o jovem afirmou que sua conta tinha sido suspensa do aplicativo de mensagens, após ter recusado uma oferta de US$ 5 mil do presidente-executivo da Tesla em 2021 para encerrar sua conta.

    O Threads é o novo aplicativo de mensagens da Meta – empresa de Mark Zuckerberg que controla o Facebook, Instagram e WhatsApp – criada como uma concorrente da plataforma de Elon Musk.

    / Threads/Divulgação

    Sweeney também opera contas automatizadas semelhantes que rastreiam o jato de Musk em outras plataformas, como Facebook, Instagram e Telegram.

    * Publicado por Iasmin Paiva. Com informações da Reuters