Meteoro de meia tonelada explodiu no céu dos EUA no Ano Novo

Meteoro xplodiu na atmosfera com uma força equivalente a 30 toneladas de TNT

Registro de som do meteoro em Pitsburgo
Registro de som do meteoro em Pitsburgo Nasa

Katie Huntda CNN

Ouvir notícia

Um meteoro que causou um estrondo alto, escutado na região oeste do estado americano da Pensilvânia no primeiro dia do ano, explodiu na atmosfera com uma força equivalente a 30 toneladas de TNT, de acordo com a Nasa.

Os sons foram ouvidos alguns minutos antes das 11:30 da manhã (horário local) no último sábado. Se o céu não estivesse nublado, o meteoro teria ficado facilmente visível enquanto explodia, segundo um post da página Nasa Meteor Watch, no Facebook. Uma estimativa da Nasa indicou que o brilho da explosão teria sido equivalente a 100 vezes o da lua cheia.

Uma estação de infrassom próxima registrou a onda da explosão do meteoro, o que permitiu que a Nasa pudesse estimar a energia dissipada.

“Se fizermos uma suposição razoável quanto à velocidade do meteoro (cerca de 45 mil milhas por segundo [72,4 mil quilômetros por hora]), podemos estimar o tamanho do objeto em uma jarda [pouco menos de um metro] de diâmetro, com uma massa próxima de meia tonelada”, afirmou a Nasa.

O condado de Allegheny, que inclui a cidade de Pistsburgo, recebeu 911 queixas, no sábado, de um estrondo alto e de estremecimento no subúrbio de South Hills, segundo o Twitter oficial do condado. Terremoto, trovão e relâmpago foram inicialmente descartados como possíveis causas.

Um estrondo sônico, que soa similar a uma explosão ou um trovão, acontece quando um objeto (como um meteoro ou uma aeronave supersônica) se locomove pela atmosfera em um velocidade mais rápida do que a do som.

O ar reage como fluido a objetos supersônicos, afirmou a Nasa. Enquanto esses objetos atravessam o ar, moléculas são empurradas para o lado com muita força, formando uma onda de choque, que é ouvida como um estrondo sônico.

Mais Recentes da CNN