TikTok poderá coletar dados biométricos de usuários nos Estados Unidos

Informações poderão ser usadas para a habilitação de efeitos especiais de vídeo, moderação de conteúdo, classificação demográfica, entre outras atividades

Celular com logo do TikTok
Celular com logo do TikTok Foto: Antonbe/Pixabay

Lucas Rocha, da CNN, em São Paulo

Ouvir notícia

Em uma atualização da política de privacidade, o TikTok afirma que poderá coletar identificadores e informações biométricas, como impressões faciais e de voz, de acordo com as leis dos Estados Unidos.

Em uma nova seção sobre “Informações de áudio e imagem”, o aplicativo informa, ainda, que poderão ser coletadas informações sobre imagens e áudio do conteúdo dos usuários, incluindo “características e atributos de rosto e corpo, a natureza do áudio e o texto das palavras faladas”.

Segundo o TikTok, os dados poderão ser usados pelo aplicativo para a habilitação de efeitos especiais de vídeo, a moderação de conteúdo, classificação demográfica, recomendações de conteúdo e anúncios e outras atividades que não sejam de identificação pessoal.

Mais Recentes da CNN