12 restaurantes brasileiros estão entre os mil melhores do mundo segundo La Liste

A Casa do Porco é o melhor da América do Sul no ranking La Liste 2024, enquanto a jovem chef Tássia Magalhães, do Nelita, recebeu prêmio de novo talento do ano

Chefs Janaína Torres Rueda (à direita) e Tássia Magalhães na cerimônia do La Liste 2024 em Paris na última segunda-feira (20)
Chefs Janaína Torres Rueda (à direita) e Tássia Magalhães na cerimônia do La Liste 2024 em Paris na última segunda-feira (20) Maria Vargas

CNN Viagem & Gastronomiado Viagem & Gastronomia

Ouvir notícia

Um total de 12 restaurantes brasileiros estão entre os mil melhores do mundo neste ano. Entre os classificados, nove endereços ficam em São Paulo e três no Rio de Janeiro. É o que diz o La Liste 2024, ranking francês que atribui notas de zero a 100 a estabelecimentos com base em centenas de guias, publicações e avaliações de clientes de 200 países.

O restaurante mais bem colocado da América do Sul e do Brasil é o A Casa do Porco, situado no centro de São Paulo e comandado por Janaína Torres Rueda, eleita a melhor chef da América Latina pelo Latin America’s 50 Best Restaurants neste ano, e Jefferson Rueda. A casa recebeu 97.50 pontos, mesma nota atribuída aos restaurantes Belcanto, em Portugal, e Geranium, na Dinamarca, por exemplo.

Depois vem o Maní, em São Paulo, de Helena Rizzo, que recebeu 97 pontos. Completando o pódio aparece o Lasai, no Rio de Janeiro, liderado pelo chef Rafa Costa e Silva, que angariou 96 pontos.

Entre os cinco primeiros brasileiros mais bem colocados aparecem ainda o paulistano D.O.M, de Alex Atala, com 95 pontos, e o carioca Oteque, de Alberto Landgraf, com 94 pontos.

Confira todos os restaurantes brasileiros mais bem avaliados no La Liste 2024 e suas respectivas pontuações:

  • A Casa do Porco (SP) – 97.50 pontos
  • Maní (SP) – 97 pontos
  • Lasai (RJ) – 96 pontos
  • D.O.M (SP) – 95 pontos
  • Oteque (RJ) – 94 pontos
  • Fasano (SP) – 93.50 pontos
  • Oro (RJ) – 91 pontos
  • Ryo Gastronomia (SP; fechado) – 79 pontos
  • Carlota (SP) – 78.50 pontos
  • Jun Sakamoto (SP) – 78 pontos
  • Nelita (SP) – 76 pontos
  • Président (SP) – 76 pontos

Chef brasileira promissora

Chef Tássia Magalhães
À frente do Nelita, Tássia Magalhães recebeu prêmio de novo talento no La Liste 2024 / Divulgação

A chef brasileira Tássia Magalhães, que comanda o italiano Nelita, restaurante italiano de cozinha autoral que também aparece entre os mais bem avaliados da lista, foi homenageada como um dos novos talentos do ano. 

Natural de Guaratinguetá, na região do Vale do Paraíba, a jovem chef se formou no Hotel Escola Senac em Campos do Jordão com apenas 19 anos e fincou seu lugar em restaurantes de renome nacional e internacional.

Além do Nelita ela comanda hoje o Mag Market, casa de produção 100% artesanal com doces e pães de inspiração francesa e uso de ingredientes brasileiros, assim como mantém o Riso.e.ria, marca que já teve ponto fixo e atualmente é focada apenas em eventos que tem como ingrediente principal o arroz em suas diversas formas e variações.

O prêmio especial do La Liste 2024 que celebra os chefs mais promissores do ano foi entregue em cerimônia presencial na noite desta segunda-feira (20) em Paris, na França.

Primeiros colocados

Sete restaurantes ao redor do mundo receberam 99.50 pontos no ranking, pontuação máxima atribuída às casas neste ano.

Quem aparece no topo é o Le Bernardin, restaurante em Nova York focado em peixes e frutos do mar comandado pelo chef francês Éric Ripert. A casa já tinha aparecido como uma das melhores do mundo no ano passado no mesmo ranking.

Entre os melhores restaurante do mundo do La Liste 2024 com pontuação 99.50 aparecem ainda: L’Enclume – Simon Rogan (Reino Unido); Guy Savoy (França); La Vague D’or – Le Cheval Blanc (França); Schwarzwaldstube (Alemanha); Lung King Heen (Hong Kong) e Sushi Saito (Japão).

Confira a lista completa dos mil melhores restaurantes do mundo do La Liste 2024 aqui.

Mais Recentes da CNN